SEF deteve homem no aeroporto de Lisboa procurado pela Interpol

Data:

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve hoje no aeroporto de Lisboa um homem procurado pela Interpol e com um mandado de detenção europeu para cumprimento de cinco anos de pena efetiva por fraude.

Em comunicado, o SEF precisa que o mandado de detenção europeu era emitido pela Suíça.

Segundo a SEF, o cidadão estrangeiro detido no aeroporto der Lisboa vai ser presente à autoridade judiciária para aplicação de medidas de coação.

Aquele serviço de segurança refere também que foi detido no aeroporto do Porto, durante um controlo documental feito num voo com destino a Londres, um homem de 24 anos de idade que pretendia viajar com um passaporte austríaco falsificado.

O SEF indica que o cidadão foi detido pelos crimes de falsificação de documento e por se encontrar na situação de permanência irregular em Portugal.

O Serviço de Estrangeiros e Fronteira refere ainda que este detido vai ser hoje presente ao Tribunal Judicial da Comarca da Maia para primeiro interrogatório e aplicação de medidas cautelares.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.