Liga portuguesa regressa três semanas depois

Data:

A I Liga de futebol regressa três semanas depois, numa nona jornada em que o líder Benfica visita no domingo o Vizela, depois da goleada caseira sofrida na Liga dos Campeões perante o poderoso Bayern Munique (0-4).

Para os ‘encarnados’, é importante olhar já para o campeonato, até para evitar que se repita o cenário da última jornada, em que a seguir a um jogo da Liga dos Campeões – 3-0 ao FC Barcelona -, perdeu em casa com o Portimonense (0-1).

A visita ao Vizela (12.º) está marcada para as 18:00 de domingo, um dia depois de Sporting e FC Porto, que estão a um ponto da liderança, entrarem em campo, com os ‘leões’ a receberem o Moreirense (20:30), e os ‘dragões’ a visitarem o Tondela (18:00).

Estes jogos que podem colocar pressão na equipa de Jorge Jesus, numa fase em que os rivais, ao contrário das ‘águias’, apresentam-se depois de vitórias importantes e convincentes na Liga dos Campeões.

Durante a semana, o FC Porto reentrou na discussão do apuramento ao vencer em casa o AC Milan (1-0), num grupo dificílimo, que tem também Liverpool e Atlético de Madrid, enquanto o Sporting atropelou fora os turcos do Besiktas (4-1).

Na I Liga, o campeão Sporting, comparado com as deslocações dos rivais, terá teoricamente uma jornada mais acessível, diante do Moreirense (14.º) que soma uma vitória em oito jogos (em casa com o Arouca) e que na visita ao Dragão foi goleado (5-0).

Já o FC Porto, que entra em campo também no sábado, mas um pouco mais cedo, desloca-se até ao Estádio João Cardoso, para defrontar um Tondela quase a meio da tabela (10.º).

A equipa treinada pelo espanhol Pako Aysterán atravessa o seu melhor momento, com vitórias nas duas últimas jornadas, mas à ‘custa’ dos últimos classificados, Famalicão (18.º) e Belenenses SAD (17.º), e das duas únicas da I Liga que ainda não venceram.

Uma situação com consequências para o Belenenses SAD, que na quarta-feira anunciou a entrada do treinador Filipe Cândido, para o lugar de Petit.

Filipe Cândido, que estava à frente da União de Leiria, da Liga 3, já deverá orientar os ‘azuis’ na visita de segunda-feira ao Boavista (oitavo), em jogo com início às 21:15 e que encerra a nona jornada do campeonato.

O Famalicão, o ‘lanterna vermelha’, igualmente sem vitórias, entra em campo já no sábado, dia em que visita o Santa Clara, numa época também difícil para os açorianos (15.º), apenas com uma vitória e com um segundo treinador, com Nuno Campos a estrear-se na I Liga, após Daniel Ramos ter saído para a Arábia Saudita.

A 9ª jornada, que se segue à pausa para jogos das seleções e da terceira eliminatória da Taça de Portugal, abre na sexta-feira, com o Vitória de Guimarães (sétimo) a receber o Marítimo (13.º), e fica concluída com dois jogos na segunda-feira.

Boavista e Belenenses SAD disputam o último jogo, pouco depois de Gil Vicente (nono) e Sporting de Braga (sexto), que hoje visita o Ludogorets na Liga Europa, entrarem em campo, num embate com início marcado para as 19:00.

9ª jornada:

– Sexta-feira, 22 outubro:
Vitória de Guimarães – Marítimo, 20:15

– Sábado, 23 outubro:
Santa Clara – Famalicão, 14:30 locais (15:30 em Lisboa)
Tondela – FC Porto, 18:00
Sporting – Moreirense, 20:30

– Domingo, 24 outubro:
Paços de Ferreira – Arouca, 15:30
Vizela – Benfica, 18:00
Portimonense – Estoril Praia, 20:30

– Segunda-feira, 25 outubro:
Gil Vicente – Sporting de Braga, 19:00
Boavista – Belenenses SAD, 21:15

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.