Linha de apoio para tradução e edição por editoras portuguesas e francesas

Data:

Editoras que queiram publicar em francês, até ao final de 2022, obras de autores portugueses, africanos e timorenses, escritas em português, vão ter acesso a uma linha de apoio especial à tradução e edição, no valor de 20.000 euros.

A linha surge no âmbito da Temporada Portugal-França, que acontecerá, simultaneamente, nos dois países entre fevereiro e outubro do próximo ano e que pretende “fomentar o dinamismo e ampliar a abrangência do relacionamento bilateral entre Portugal e França, em torno de prioridades comuns, designadamente a defesa da igualdade de género e dos valores europeus, incluindo a valorização dos jovens, da mobilidade e da partilha do conhecimento, ou o combate às alterações climáticas”.

Segundo comunicado hoje divulgado pelo Instituto Camões e pela Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), a linha especial Temporada Portugal-França 2022 está aberta a partir de hoje até ao próximo 06 de outubro, “devendo os resultados ser anunciados até ao dia 29 de outubro e os apoios financeiros atribuídos até ao final de 2021”.

As candidaturas deverão ser enviadas para os endereços de ‘email’ do Camões e da DGLAB.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.