Portugal entrega a Angola primeira remessa de 50 mil vacinas contra a covid-19

Data:

O Presidente da República e o ministro dos Negócios Estrangeiros entregaram esta quinta-feira, no aeroporto de Luanda, uma primeira remessa de 50 mil vacinas contra a covid-19 destinadas a Angola no âmbito da cooperação da CPLP.

Este ato de Marcelo Rebelo de Sousa e do Governo português, que esteve representado por Augusto Santos Silva, aconteceu na antevéspera do início da cimeira de Luanda da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Perante o ministro das Relações Exteriores de Angola, Téte António, e da ministra da Saúde angolana, Sílvia Lutucuta, tendo o chefe de Estado português ao seu lado, Augusto Santos Silva referiu-se a esta doação de 50 mil vacinas da AstraZeneca.

O ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros disse que o programa de cooperação português prevê a entrega de pelo menos 5% das vacinas, num total que será superior a um milhão para países de língua portuguesa.

“Antes de Angola, já foram para Cabo Verde, Guiné-Bissau e Moçambique. Em breve, também seguirão remessas de vacinas para São Tomé e Príncipe e Timor-Leste”, declarou.

Neste ato protocolar, o chefe de Estado optou por ficar em silêncio, deixando a palavra para o ministro Augusto Santos Silva.

“Portugal sempre disse que, ao longo do segundo semestre deste ano, este processo seria acelerado. A CPLP também é feita da cooperação entre nós, apoiando-nos uns aos outros”, disse.

Já sobre a cimeira de Luanda, a partir de sábado, o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros referiu que o secretário executivo é proposto por Timor-Leste.

“O que quer dizer que a primeira série de nomeações acaba no sábado e completou-se a rotação entre todos os Estados-membros da CPLP”, afirmou.

Nas suas declarações, o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros também aproveitou para “agradecer a enorme cooperação de Angola na organização dos voos de repatriamento e humanitários no período mais difícil da pandemia da covid-19 no ano passado”.

 “A colaboração de Angola foi absolutamente excecional”, acrescentou.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.