GNR apreende mais de 1,3 toneladas de haxixe na Ria Formosa

Data:

A GNR apreendeu mais de 1,3 toneladas de haxixe num esteiro da Ria Formosa, com um valor total estimado de 2,5 milhões de euros, anunciou a corporação.

Em comunicado, a GNR indica que a Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Olhão, apreendeu a droga no domingo, no âmbito de uma ação de vigilância, controlo e patrulhamento da costa e mar territorial, em particular para o combate ao tráfico internacional de estupefacientes.

A GNR explica que o Sistema Integrado de Vigilância Comando e Controlo (SIVICC) detetou, durante a madrugada, duas embarcações com movimentos suspeitos ao largo das Ilhas Barreira.

“Face às suspeitas levantadas, de imediato foram ativadas as Equipas de Patrulhamento e Interceção Marítima, com o intuito de se proceder à abordagem das embarcações suspeitas”, explica a GNR, acrescentando que os militares acabaram por detetar 40 fardos de haxixe a boiar num esteiro da Ria Formosa, que se suspeita terem sido largados e abandonados por uma das embarcações anteriormente detetadas.

No total, foram apreendidos 1.370 quilos de haxixe, com um valor total estimado de 2.500.000 euros.

Os factos serão remetidos para o Tribunal Judicial de Faro, acrescenta-se na nota.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.