Festival Métis dedicado a Portugal e à lusofonia arranca hoje nos arredores de Paris

Data:

O Festival Métis vai arrancar hoje à noite, com Ana Moura e António Zambujo, no departamento de Seine-Saint-Denis, nos arredores de Paris, e vai mostrar a música lusófona em França, até setembro, com nomes como Carminho e Tito Paris.

“A ideia do Metis é ir ao encontro das tradições musicais dos habitantes do nosso território [de Seine-Saint-Denis], Portugal nunca tinha sido destacado e era a altura de corrigir este vazio”, disse a diretora do Festival Métis, Nathalie Rappaport, em declarações agência Lusa.

Seine-Saint-Denis está situado às portas de Paris e é um dos departamentos com a população mais jovem, em França. Pela proximidade à capital, é também um dos lugares na região onde vivem mais portugueses e, este ano, as autoridades locais quiseram concentrar-se na música lusófona para a 17.ª edição do festival.

“Há muitos habitantes de origem portuguesa em Saint Denis, Stains e Pierrefite. É uma maneira de entrar em contacto com o nosso público. Claro que queremos ir ao encontro das preferências da comunidade portuguesa, mas também sensibilizar o resto da população para esta sonoridade”, referiu a organizadora.

Assim, o festival arranca hoje com um concerto em dueto entre Ana Moura e António Zambujo, na catedral de Saint Denis, onde estão sepultados todos os reis e rainhas franceses, continuando depois em julho e setembro, nos parques do departamento.

Entre alguns dos nomes que vão passar pelo Métis estão também Carminho, Tito Paris, Teresa Salgueiro, Teofilo Chantre e Yamandu Costa.

“Há vozes excecionais. Nós trabalhamos muito com vozes líricas no Festival e é sempre impressionante ver vozes assim, na música popular. E há também uma grande emoção. É uma música que nos toca e, na saída desta pandemia, mesmo se há um lado melancólico, é uma música com uma mensagem de esperança”, disse Rappaport sobre a música lusófona.

O festival deveria ter começado originalmente em maio, mas devido às restrições contra a covid-19, a organização decidiu adiar o início do evento para junho, não havendo agora recolher obrigatório a respeitar e estando os números da pandemia controlados.

A maior parte dos concertos vai acontecer ao ar livre e têm entrada gratuita.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.