Câmara de Tondela pede estado de calamidade para o concelho

Data:

O presidente da Câmara Municipal de Tondela, José António Jesus, pediu ao Governo que declare Estado de Calamidade para o concelho, na sequência do mau tempo registado no sábado, que destruiu “a maioria das plantações agrícolas”.

Numa carta enviada à ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, o autarca refere a “extrema violência e severidade” das condições meteorológicas, que afetaram com “uma força indescritível” grande parte do concelho.

Segundo José António Jesus, “as rajadas de vento, trovoada e granizo, a que se associou uma inquantificável carga de água, constituíram uma força de destruição que dizimou a generalidade das plantações agrícolas, muitas de agricultura familiar, com especial incidência nos pomares e nas vinhas”.

O autarca realça que a vitivinicultura é um setor de atividade expressivo para a região, em particular na área demarcada dos vinhos do Dão, e alerta para os impactos sociais e económicos negativos resultantes da intempérie.

“Interpretando o sentimento de fragilidade que estes produtores agrícolas estão a viver e a ausência de estrutura económica que assegure a perca sentida e os inevitáveis investimentos visando a reestruturação das suas plantações, venho solicitar a vossa excelência que desencadeie a instrução do Estado de Calamidade”, pede na missiva.

Desta forma, José António Jesus espera que o concelho receba os “apoios públicos tão justos e necessários”, atendendo ao mau tempo de sábado, que também causou danos em vários equipamentos, habitações, viaturas, inundações e quedas de árvores.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.