Quinta do Pôpa contrata Carlos Raposo como Head Winemaker

Data:

2021 vai trazer várias novidades na Quinta do Pôpa. A primeira é a contratação do enólogo Carlos Raposo para o cargo de Head Winemaker, que fará dupla com Stéphane Ferreira, neto do Pôpa e co-proprietário da quinta em questão, uma escolha que reforça a aposta numa política de sustentabilidade.

Carlos Raposo aceitou o desafio da Quinta do Pôpa, onde vai exercer funções de Head Winemaker, dando continuidade ao trabalho desenvolvido pela equipa de viticultura, liderada por Rui Soares, e com o co-proprietário deste projeto, Stéphane Ferreira, desde sempre uma voz ativa e interveniente na criação dos vinhos de homenagem nascidos na Quinta do Pôpa.

“Exposta a missão atual e futura da Quinta do Pôpa, a contratação do enólogo-consultor Carlos Raposo foi o encaixe perfeito de mindsets. Vejamos, o vinho tem a capacidade de saciar os nossos sentidos em relação a um lugar que vai para além de uma região. E, tendo a Quinta do Pôpa vinhas que produzem uvas com esta habilidade mágica e consistente, de vindima a vindima, então é imperativo garantir que na adega essa proteção da expressividade única do lugar seja feita invocando novamente aquele que apelidamos de true sense of Pôpa place.”, sublinha Vanessa Ferreira, co-proprietária e responsável de marketing e comunicação da Quinta do Pôpa.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.