Praça da Fruta das Caldas da Rainha volta a realizar-se a céu aberto

Data:

A Praça da Fruta das Caldas da Rainha, deslocada para a Expoeste devido à pandemia de Covid-19, vai voltar a realizar-se no tabuleiro da Praça da República já a partir da próxima quarta-feira.
“Estão a ser realizadas reuniões com os vendedores para que o regresso ao tabuleiro, no dia 12, seja feito tendo em conta um conjunto de regras e as indicações das autoridades de saúde pública”, disse à agência Lusa o presidente da Câmara das Caldas da Rainha, Fernando Tinta Ferreira (PSD).
A Praça da Fruta, um mercado centenário que funciona a céu aberto e é considerado um ex-libris turístico do concelho, no distrito de Leiria, foi em abril deslocada para a Expoeste – Pavilhão de Feiras, devido às medidas de contenção da pandemia da Covid-19.
A câmara assumiu na altura tratar-se de “uma mudança provisória” para apoiar os vendedores locais que durante o Estado de Emergência ficaram impedidos de exercer a atividade.
Em junho, o autarca admitiu à Lusa a possibilidade de os vendedores regressarem ao local original durante o mês de julho, mas a mudança acabou por ser adiada para a próxima quarta-feira.
A realização do mercado diário vai obrigar “à vedação do tabuleiro, com grades que serão colocadas e retiradas todos os dias”, explicou Tinta Ferreira, acrescentando que serão criadas três entradas.
As novas regras de funcionamento definidas pela câmara passam ainda pela separação das bancas, a criação de percursos de sentido único e a limitação de 100 pessoas em permanência no tabuleiro da praça.
Tal como acontecia na Expoeste, vai manter-se a “proibição de tocar nos produtos expostos” e a obrigatoriedade de “desinfetar as mães com álcool gel antes de entrar e usar máscara durante a permanência no mercado”, afirmou o presidente.
A Praça da Fruta funciona no mesmo local, inicialmente conhecido por ‘rossio’ desde o século XV, tendo sido deslocada temporariamente em 2014 para a requalificação do tabuleiro de calçada portuguesa e uniformização das bancas com toldos estilizados fornecidos pela câmara.
A intervenção, orçada em 350 mil euros, fez parte de um projeto de regeneração urbana.
Portugal contabiliza pelo menos 1.746 mortos associados à covid-19 em 52.351 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.