Governo anuncia nova linha de crédito de mil ME para micro e pequenas empresas

Data:

O ministro da Economia anunciou hoje a abertura, “na semana de dia 20”, de uma nova linha de crédito de mil milhões de euros dirigida a micro e pequenas empresas.
“Já na semana de dia 20 vamos abrir uma nova linha de crédito dirigida a um conjunto de atividades económicas, mas incidindo exclusivamente nas micro e pequenas empresas”, anunciou o ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, numa audição regimental da Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação, na Assembleia da República.
O governante esclareceu que a linha de crédito tem a dotação de mil milhões de euros e será distribuída segundo uma chave já em curso com o setor bancário, aprendendo “com as últimas experiências” e de forma a que os apoios cheguem “ao maior número de empresas de forma mais célere possível”.
Já para o setor do turismo, será disponibilizado um crédito às micro empresas, com uma componente de 20% que pode ser convertido em fundo perdido, se forem atingidos critérios em termos de manutenção do emprego, acrescentou o ministro.
“É necessário dirigir uma atenção muito especial à região do Algarve, que é extremamente dependente da atividade turística”, referiu Pedro Siza Vieira, acrescentando que o Governo está a preparar um programa específico de apoio à região.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.