Museu do Hermitage mostra os seus maiores tesouros ‘online’

Data:

O Museu do Hermitage, em São Petersburgo, na Rússia, está a sobreviver à quarentena, imposta pela pandemia de covid-19, mostrando ‘online’ os maiores tesouros da sua coleção.

“Não tem gente, mas o museu continua vivo”, disse, em conferência de imprensa, Mikhail Piotrovski, diretor do Hermitage, uma das principais pinacotecas do mundo.

Na conferência, organizada pela agência de notícias russa TASS, Piotrovski relatou o atual dia a dia do museu, habituado a estar a abarrotar de visitantes e ao qual a pandemia de covid-19 impôs o fecho de portas.

Segundo o diretor, a prioridade é “preservar a saúde das coleções” para que os visitantes possam voltar a usufruir do Hermitage quando passar a epidemia, que já infetou mais de 50 mil pessoas e matou outras 500 na Rússia.

Sem arriscar prognósticos, o diretor do museu está confiante de que os visitantes “voltarão”, primeiro os russos e depois os estrangeiros, que representam quase metade do público.

Piotrovski manifestou ainda estar satisfeito com o interesse revelado pelos internautas face aos programas ‘online’ propostos pelo Hermitage durante a clausura, que já registaram 20 milhões de visitas (o museu recebe uma média de cinco milhões de visitantes por ano).

O museu “não cancelou nenhuma das exposições” previstas, mas os eventos foram adiados uns meses.

O encerramento está a ser aproveitado para realizar múltiplas tarefas, desde um inventário digital para que os especialistas possam observar as obras em tempo real ao cuidado e à alimentação dos famosos gatos do Hermitage, que cumprem o confinamento no museu.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.