Cada português infetado contagiou “pouco menos de duas pessoas” até 16 de março

Data:

Cada português infetado com covid-19 infetou em média, entre 21 de fevereiro e 16 de março, “pouco menos de duas pessoas”, revelou hoje a ministra da Saúde.

“De acordo com informação disponível com os cálculos feitos pelas nossas equipas, o número médio de casos resultantes de um caso infetado para o período de 21 de fevereiro até 16 de março foi de 1,81”, disse Marta Temida na conferência de imprensa que se realiza diariamente na Direção-Geral da Saúde (DGS).

Isto significa que cada pessoa infetada “contagiava em média um pouco menos de duas pessoas”, mostrando que “o surto estava a crescer, mas que estávamos com uma taxa do número de caso secundários resultantes de um caso infetado já inferior àquilo que já tivemos”, segundo a ministra.

Marta Temido ressalvou que “é evidente que todas estas estimativas estão sujeitas a um elevado grau de incerteza”, mas estes dados mostram que há “um resultado inequívoco” que todos os esforços precisam de continuar e ser no sentido de reduzir a transmissão.

Portugal regista hoje 266 mortes associadas à covid-19, mais 20 do que na sexta-feira, e 10.524 infetados (mais 638), segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.