Agrupamento de Escolas da Benedita distinguido pela reutilização de manuais escolares

Data:

O Agrupamento de Escolas da Benedita, no concelho de Alcobaça, foi distinguido pela sua elevada taxa de reutilização de manuais escolares, divulgou a câmara.

O agrupamento classificou-se em 8.º lugar na lista das 20 entidades escolares nacionais com melhor reaproveitamento dos manuais escolares, tendo obtido um selo de qualidade e um prémio monetário de 10.000 euros.

A distinção foi atribuída no âmbito da iniciativa “Escola Mega Fixe”, promovida pela plataforma MEGA, da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares.

A política de reutilização de manuais escolares foi implementada pela câmara no ano letivo 2015/2016, em que a autarquia concedeu manuais e materiais escolares a todos os alunos do 1.º ciclo.

Dois anos letivos depois, o plano foi renovado para todo o 1.º ciclo, desta vez sem a gestão dos manuais escolares, que passou a ser da responsabilidade do Ministério da Educação. Em 2017/2018, a câmara alargou o plano ao 2.º ciclo e desde então garante os materiais escolares essenciais a todos os alunos do 1.º ano ao 6.º ano da escolaridade obrigatória.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.