Emigrante em França, reúne o contributo de muitos empresários nas comunidades para ceia solidária

Data:

Desde há vários meses que o empresário, português em França João Pina, natural do Concelho da Guarda tem vindo a preparar aquela que foi, seguramente, a maior Ceia Solidária do Distrito da Guarda e eventualmente de Portugal.
Cerca de mil pessoas e apesar do mau tempo que fustigou a Cidade da Guarda, disseram presente, no dia 20 de dezembro, dia de aniversário deste benemérito, conhecido pelos “4 cantos do mundo” pelos inúmeros apoios que concede em Portugal, mais concretamente na Cidade da Guarda.
O ambiente vivido não tem palavras para ser descrito, entre vários convidados, muitos deles percorreram centenas de quilómetros para estar presentes, dezenas instituições do Distrito da Guarda e a Cidade de Mangualde, alunos do Instituto Politécnico da Guarda, oriundos dos PALOP´S fizeram desta noite solidária, algo que João Pina referiu com emoção ”foram muitas horas de dedicação, para que este momento fosse uma realidade. O Sonho comanda a vida e a persistência realizou o mesmo, só acompanhado cheguei tão longe”.


Igualmente, nomes sobejamente conhecidos da Diáspora Portuguesa estiveram à mesma mesa, os Deputados eleitos pelo círculo da Europa, Carlos Gonçalves e Paulo Pisco, o amigo pessoal, Victor Gomes, de Bruxelas, a Associação “Les Hirondelles”, que premiou o Município da Guarda com uma árvore de Natal Solidária e que irá percorrer, certamente, muitas das IPSS`S do Concelho. Amigos pessoais de João Pina, muitos deles vindos de França para continuarem a apoiar este empresário, pintores, associações francesas, como “Estrelas do Mar, o Bispo da Diocese da Guarda, o Deputado Carlos Peixoto, vários Presidentes de Autarquias do Distrito, Diretores de Instituições de Solidariedade, a Torriense, Luísa Timóteo, com o projeto “Coração em Malaca”, condecorada pelo Estado Português, duas Vereadoras do Município francês de “Carrieres Sur Seine” que foram também recebidas no Município da Guarda para eventuais parcerias. Estes foram somente alguns dos rostos, mas foram dezenas os amigos presentes.
Estava igualmente prevista a presença do “Rotary Club de Houille Bezons Sartrouvile” e da Associação “La Esat la Roserie”, que devido às greves em França, viram o seu voo cancelado.
Em representação da Secretária de Estado das Comunidades Portuguesas e da Ação Social estiveram, Luísa Pais Lowe e Pedro Pires que louvaram de forma ímpar o trabalho desenvolvido por João Pina. De salientar que a convite da Secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, este empresário foi um dos intervenientes no IV Encontro de Investidores da Diáspora, que decorreu na semana anterior, em Viseu.
O Presidente da República Portuguesa também se associou à iniciativa enviando uma mensagem a João Pina e aos presentes, tendo realçado na mesma, “o gesto de generosidade, que se tem repetido nos últimos anos, para com a sua região de origem e que assume também, um gesto de retribuição à Sua grande família. A família que é Portugal”.

 

Criação de Uma Fundação Nova Era

Outro dos pontos altos, foi o discurso de João Pina, em que comunicou aos presentes a criação da “Fundação Nova Era-João Pina”, da qual será o Presidente. Trata-se de oficializar os vários apoios que tem dado a pessoas com mais necessidades e trata-se também de diversificar os donativos.
“Eu posso ser impulsionador de muitos apoios, mas o mais importante são as pessoas que eu consegui mobilizar para apoiar ações de solidariedade. Quantos mais formos, mais conseguiremos fazer. E a organização de uma Fundação permite isso mesmo”, refere.
Desta Fundação fazem parte dois elementos da Guarda, um amigo de longa data- Pedro Nobre e a Presidente do Centro de Dia e Lar de Idosos de Santana de Azinha – Rosária Santos.
Para fechar a noite com chave de ouro, foram distribuídos cerca de 3 centenas de cabazes – elaborados com o carinho da Freguesia da Guarda e do Centro de Dia e Lar de Idosos de Santana de Azinha. Os mesmos estavam recheados com todas as iguarias desta época, bolo-rei, bacalhau, azeite, enlatados, bolachas, açúcar, farinha. Muitos dos produtos alimentares que constituíram os mesmos foram ofertados em França, tendo a empresa Guardense,” Bernardo Marques” transportado pelo segundo ano consecutivo, inúmeras caixas com alimentos, brinquedos e roupa, que serão distribuídos pelas diversas instituições da Guarda.
Quase no final da noite, João Pina ofereceu uma nova cadeira de rodas a um jovem guardense que lhe irá permitir uma melhor qualidade de vida.
Na verdade, a resiliência, a dádiva deste empresário é algo inexplicável, ultrapassar a grande “corrente solidária” deste ano será muito difícil, mas segundo João Pina “Nós não precisamos de muita coisa na nossa vida, precisamos uns dos outros, precisamos de nos unir cada vez mais… Este ano o resultado foi esta infinita corrente solidária que abarcou muitos países, várias dezenas de pessoas, mas acima de tudo precisamos de um mundo melhor, precisamos de Sonhos”.
Vários artistas vieram de Paris para acalentarem com a Sua Voz esta noite de afetos, Johnny Gama, João Tiago, Claúdio Elvira, Cristina Ardisson, Filipe Nunes, S.P. Safira, Pedro Cruz, Jean François Perçu, Afonso Sequeira, Christophe Malheiro, Sandra Helena, Hugo Manuel, com a supervisão do técnico de som, Hugo Pereira e a madrinha desta Causa” mil sorrisos no Interior de Portugal”, Elena Correia.

No próximo ano o Natal continuará a brilhar alto, “já estou a trabalhar na iniciativa do próximo ano” refere

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.