Belmonte quer criar um doce que represente a identidade do concelho

Data:

A Câmara Municipal de Belmonte lançou o concurso ‘Belmonte Doce Design’ para incentivar a criação de um produto que represente a identidade do concelho e cujo vencedor receberá um prémio de mil euros.
Em nota de imprensa enviada à agência Lusa, este município do distrito de Castelo Branco especifica que o bolo pode ser “doce ao salgado” e que deverá tornar-se um produto de referência associado à marca “Belmonte”.
“A criação do bolo deve assentar a sua constituição essencialmente em produtos endógenos como, por exemplo, azeite, maçã camoesa, milho, cogumelos, colondro, requeijão, uvas, pêssego, entre outros”, esclarece a informação.
Citado na nota de imprensa, o presidente da Câmara de Belmonte, António Dias Rocha, sublinhou que qualquer pessoa pode concorrer, seja ou não residente no concelho, e deixou o desafio a pastelarias, padarias, restaurantes, escolas e a outros estabelecimentos comerciais do setor.
O autarca ressalvou ainda que os direitos de autor, a receita e a conceção do produto ficarão sobre a alçada do município.
Segundo as normas, os concorrentes podem inscrever-se individualmente ou em grupo e têm de apresentar uma receita original, visto que o concurso visa “promover os produtos endógenos, projetar o nome do concelho e valorizar as tradições, identidade, sabores e saberes locais.
As inscrições decorrem até ao dia 07 de janeiro de 2020 através de um formulário, que está disponível na página oficial do município na internet.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.