Idanha-a-Velha vai celebrar o lavrador que se tornou rei dos visigodos

Data:

A história de Wamba, um humilde lavrador que um milagre tornou rei dos visigodos, inspira o evento ‘Nas terras do Rei Wamba… Há pão’ que vai animar a aldeia histórica de Idanha-a-Velha de 01 a 03 de novembro.
Tendo como mote a história do lavrador que se tornou rei, o evento promete oficinas do conto e de expressão plástica, gastronomia, workshops de pão e biscoitos no forno comunitário e muita animação, assegura a Associação Desenvolvimento Turístico Aldeias Históricas de Portugal (ADTAHP).
À volta dessa história e das estórias que a terra tem para contar, haverá ainda animação de rua, mostras de produtos regionais, mas também visitas guiadas temáticas, entre outras atividades, pensadas para todas as idades e com entrada gratuita.
“Para os visitantes será também uma excelente oportunidade para descobrir, em pleno, esta aldeia histórica e as suas origens, assim como as suas gentes, que também participarão nos vários momentos da festa”, assegura a ADTAHP.
Algumas atividades são de inscrição obrigatória para o e-mail turismo@cm-idanhanova.pt (veja as atividades no cartaz abaixo), estando sujeitas à disponibilidade de lugar.
As visitas temáticas guiadas estão sujeitas ao limite de 30 participantes para cada uma e o ponto de encontro é o Posto de Turismo da Aldeia Histórica de Idanha-a-Velha.
O evento é promovido pela ADTAHP numa organização do município de Idanha-a-Nova e União de Freguesias de Monsanto e Idanha-a-Velha.

‘Nas terras do Rei Wamba… Há pão’ integra o ciclo ‘12 em rede – Aldeias em Festa 2019’ que termina em dezembro. Depois de Idanha-a-Velha, a festa segue para as aldeias históricas de Monsanto, de 8 a 10 de novembro, Almeida, nos dias 29 e 30 de novembro e Belmonte, de 27 a 30 de dezembro.
Sobre a Rede das Aldeias Históricas de Portugal:
A rede das Aldeias Históricas de Portugal reúne 12 aldeias repletas de lendas e castelos, sabores e tradições e paisagens e monumentos imperdíveis.
Almeida, Belmonte, Castelo Mendo, Castelo Novo, Castelo Rodrigo, Idanha-a-Velha, Linhares da Beira, Marialva, Monsanto, Piódão, Sortelha e Trancoso são as Aldeias Históricas de Portugal, verdadeiros paraísos escondidos que levam numa viagem ao tempo de reis e rainhas, lendas e batalhas que contribuíram para a História de Portugal.
território das Aldeias Históricas de Portugal há inúmeros trilhos para caminhadas e percursos de bicicleta e BTT, como a Grande Rota 22, a maior rota de caminhada e ciclismo em Portugal, com cerca de 600 quilómetros.
As Aldeias Históricas de Portugal são o primeiro destino em rede, à escala mundial, e o primeiro destino nacional a receber a certificação Biosphere Destination.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.