Fragata da Marinha Portuguesa integra celebração do Dia de Portugal em Cabo Verde

Data:

A fragata da Marinha Portuguesa, NRP Álvares Cabral está a caminho de Cabo Verde para integrar, naquele país, a celebração do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.
O navio português partiu ontem da Base Naval de Lisboa para uma missão de 17 dias, sendo que o navio estará de volta a território nacional dia 18 de junho.
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, irá assinalar o Dia de Portugal em três das Ilhas da República de Cabo Verde: São Vicente, Brava e Fogo.
“O navio português irá embarcar os Presidentes da República de ambos os países e fazer o apoio na deslocação entre ilhas das diferentes entidades”, explicva uma nota divulgada pela Marinha, onde se lê aidna que por ocasião destas comemorações, “irá ocorrer uma cerimónia militar com forças conjuntas no dia 11 de junho na Ilha de São Vicente”.
O NRP Álvares Cabral é comandado pelo capitão-de-fragata Alexandre Santos Fernandes e tem embarcado 157 militares, incluindo o Comandante do Grupo Tarefa, capitão-de-mar-e-guerra Nuno António de Noronha Bragança, uma equipa de fuzileiros, uma equipa de mergulhadores e uma equipa médica.
De referir ainda, que irão embarcar na fragata um total de 23 cadetes do 4º ano da Escola Naval, para cumprirem o seu estágio de embarque, com o objetivo de poderem pôr em prática a sua formação teórica.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.