Miguel Cardoso é o novo treinador do AEK Atenas

Data:

O português Miguel Cardoso vai ser o treinador do AEK Atenas nas próximas duas épocas, até 2021, anunciou hoje o clube grego na conta oficial na rede social Twitter.

O terceiro classificado do campeonato grego da temporada passada apostou no técnico luso, de 47 anos, que em março tinha deixado o Celta de Vigo, do campeonato espanhol, e se prepara para viver a terceira experiência fora de Portugal.

A época 2018/19 foi algo atribulada para Miguel Cardoso, já que a tinha iniciado nos franceses do Nantes, onde ficou até outubro, altura em que deixou a equipa na zona de despromoção.

“Este é um dia de enorme orgulho. Hoje, torno-me treinador principal do AEK Atenas e junto-me à família do clube. A união está na base deste clube e também é fundamental para mim. Contem comigo”, assinalou o técnico.

Miguel Cardoso, que vai ser apresentado na quinta-feira, é o terceiro treinador português do AEK, depois de Fernando Santos (2001/02 e 2004/06) e de José Morais (2016/17).

No clube helénico, Miguel Cardoso vai ser acompanhado por Nuno Batista, Daniel Correia, António Calado e Francisco Costa, que completam a sua equipa técnica.

O AEK tem no plantel os jogadores portugueses Hélder Lopes e André Simões.

Fotografia twitter Miguel Cardoso

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.