Benfica só precisa de empatar para festejar o título, FC Porto à espera de ‘milagre’

Data:

Um empate frente ao Santa Clara é o suficiente para o Benfica chegar no sábado ao 37.º título de futebol da sua história, com o FC Porto a precisar de vencer o Sporting e de uma derrota ‘encarnada’.
A grande decisão está marcada para sábado, às 18:30, na 34.ª e última jornada da I Liga, com vantagem do Benfica, que frente aos açorianos, 12.ºs classificados, até pode perder e ser campeão, se o FC Porto não triunfar no ‘clássico’.
As ‘águias’, que na primeira volta venceram nos Açores por 2-0 (golos de Seferovic e Jardel), estão muito perto de reforçarem o estatuto de clube com mais títulos de campeão, com o FC Porto à espera de um ‘milagre’.
O dia das decisões não está, teoricamente, do lado do campeão, que precisa de ver o Benfica perder no Estádio da Luz e pôr fim a uma série de 18 jogos sem perder na Liga (17 vitórias e um empate), desde que o treinador Bruno Lage assumiu a equipa.
Um cenário improvável, a que se junta ainda a obrigação do FC Porto vencer o seu jogo, sempre de elevado equilíbrio, frente ao também rival Sporting, com quem empatou esta época duas vezes, no campeonato e na final da Taça da Liga.
Positivo para a equipa de Sérgio Conceição pode ser a possibilidade de os ‘leões’, que têm o terceiro lugar definido, pouparem na última jornada jogadores, já a pensar em novo confronto com os ‘dragões’, uma semana depois, na final da Taça de Portugal.
Para as decisões na Luz, o Benfica tem quase todos os jogadores disponíveis, tirando os lesionados de longa duração Ebuehi, Conti, Corchia e Gabriel, enquanto o FC Porto não terá no Dragão Casillas, depois de um enfarte agudo do miocárdio, e Brahimi está em dúvida.
Certo é que o Sporting, independentemente das opções do treinador Marcel Keizer, também jogará o clássico sem Ristovski e Coates, castigados, e com Battaglia e Bruno Gaspar ainda lesionados.
Com a rota do título a passar pelo Luz ou Dragão, a última jornada decide também qual a equipa que se junta a Feirense e Nacional na descida à II Liga, num confronto direto entre Tondela e Desportivo de Chaves.
Os dois emblemas têm os mesmos 32 pontos, mas o Tondela, a jogar em casa, no domingo a partir das 17:30, está obrigado a vencer, devido ao desempate por confronto direto – em caso de empate -, perante o triunfo transmontano na primeira volta (2-1).
É uma matemática simples para a descida de divisão, com Pepa a não poder contar no Tondela com três defesas (Moufi, Ricardo Costa e Jorge Fernandes), castigados, e o Chaves sem Luther Singh e Niltinho, também de fora devido à série de amarelos.
O Tondela subiu à I Liga em 2015/16, mantendo-se quatro épocas, enquanto o Desportivo de Chaves esteve na última vez no escalão secundário em 2015/16, conseguindo estar na Liga principal nos dois últimos anos, no último dos quais com um sexto lugar.
A ‘despedida’ da edição 2018/19 começa na quinta-feira, com a receção do Belenenses (10.º) ao despromovido Nacional (17.º), duas equipas que terminam o campeonato com destinos diferentes, mas em ‘agonia’, ambas sem vencerem há nove jornadas.
Um dia depois, na sexta-feira, o Sporting de Braga, com a quarta posição assegurada, recebe o Portimonense, antes do sábado que dominará as atenções futebolísticas no país, com a decisão do título, antecedido por três jogos em forma de aperitivo.
Sem nada de importante em jogo a tarde de futebol dá o pontapé de saída às 15:30, com o Feirense-Desportivo das Aves, Marítimo-Boavista e Vitória de Setúbal-Rio Ave.
No domingo fecha-se o capítulo, primeiro com os corações no Estádio João Cardoso, em que a alegria de uns será as lágrimas de outros, no Tondela-Desportivo de Chaves (17:30), e depois com o encerrar da cortina no Moreirense-Vitória de Guimarães.
Em Moreira de Cónegos joga-se para o quinto lugar, com a equipa da casa a receber o Vitória de Guimarães, num jogo em que os vimaranenses, a três pontos, precisam obrigatoriamente de vencer para ultrapassarem o rival minhoto, equipa sensação da Liga.

34.ª jornada:

-Quinta-feira, 16 maio:
Belenenses – Nacional, 18:30.

– Sexta-feira, 17 maio:
Sporting de Braga – Portimonense, 20:30.

– Sábado, 18 maio:
Feirense – Desportivo das Aves, 15:30.
Marítimo – Boavista, 15:30.
Vitória de Setúbal – Rio Ave, 15:30.
Benfica – Santa Clara, 18:30.
FC Porto – Sporting, 18:30.

– Domingo, 19 maio:
Tondela – Desportivo de Chaves, 17:30.
Moreirense – Vitória de Guimarães, 20:00.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.