O papel da mulher na economia do mar em Ílhavo

Data:

O Museu Marítimo de Aveiro assinala na sexta-feira o Dia Internacional dos Museus com a apresentação de um espetáculo do Teatro do Silêncio, construído com uma base documental, que “dá voz às mulheres ligada à indústria do mar”.

“Os pescadores que andavam à pesca do bacalhau passavam seis meses no mar. Enquanto isso, as mulheres ficavam em casa, a governar”, explica-se na sinopse da performance “Mulheres em Terra, Homens ao Mar” que é apresentada na sexta-feira, em duas sessões de acesso livre, no âmbito das comemorações do Dia Internacional dos Museus, revelou hoje aquele museu de Ílhavo.

Trata-se de uma peça interpretada por Maria Gil e produzida pelo Teatro do Silêncio, que resultou de uma residência artística realizada no espaço 23 Milhas, ao longo da qual foram recolhidos testemunhos, vivências e histórias ligadas à vida do mar, com enfoque no papel feminino.

O espetáculo tem assim como ponto de partida a recolha de testemunhos de algumas das mulheres e famílias de marítimos, e a pesquisa feita nos acervos documentais do próprio Museu Marítimo de Ílhavo.

O propósito é valorizar o papel das mulheres na economia do mar, num “guião” inspirado no trabalho da jornalista Maria Lamas que, entre 1947 e 1950, viajou pelo país para conhecer “ao vivo” a situação real das mulheres, em plena ditadura do Estado Novo, “orientada de forma autoritária e conservadora” pelos princípios “Deus, Pátria e Família”.

“Quando Maria Lamas diz ‘mulher do mar’ ela não se refere à esposa do pescador ou do marinheiro. Para Maria Lamas, a mulher do mar é toda a mulher que participa na economia do mar, observando que estas mulheres só não embarcam porque alguém tem de ficar a tomar conta da casa e dos filhos, e esse papel estava destinado culturalmente às mulheres”, salienta a sinopse de “Mulheres em Terra, Homens no Mar”.

Centenas de atividades vão assinalar, no país, com entradas gratuitas, o Dia Internacional dos Museus, e a Noite Europeia dos Museus, a 18 e 19 de maio, este ano dedicado ao seu papel como polos criativos e de mudança.

O Dia Internacional dos Museus foi criado em 1977 pelo Conselho Internacional de Museus (ICOM) com o objetivo de promover, junto da sociedade, uma reflexão sobre o papel dos museus, e por esse motivo, a entidade lança todos os anos um tema.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.