Os pastorinhos de Fátima

Data:

santuário de nossa senhora do rosário de fátimaA irmã Lúcia de Jesus (1907-2005) viveu 57 anos de vida carmelita e encontra-se sepultada na Basílica de Nossa Senhora do Rosário, no Santuário de Fátima. Foi uma das três crianças que entre maio e outubro de 1917 testemunharam seis aparições de Nossa Senhora na Cova da Iria, segundo os seus testemunhos, reconhecidos pela Igreja Católica.
Francisco e a irmã Jacinta foram canonizados no Santuário de Fátima, a 13 de maio de 2017, durante a Missa da primeira Peregrinação Internacional Aniversária do Centenário das Aparições, presidida pelo Papa Francisco, tornando-se assim nos mais jovens santos não-mártires da história da Igreja Católica. A canonização tinha sido aprovada a 23 de março, quando o Vaticano anunciou que o Papa Francisco reconhecera o milagre atribuído a Francisco e Jacinta, última etapa do processo, iniciado há 65 anos.
O reconhecimento de um milagre realizado por sua intercessão depois da beatificação é um processo da competência da Congregação para a Causa dos Santos, regulado pela Constituição Apostólica Divinus Perfectionis Magister, promulgada por João Paulo II em 1983.
No processo de Francisco e Jacinta Marto, foi aceite como milagre a cura milagrosa de Lucas, uma criança brasileira de cinco anos, que caiu de uma janela, a uma altura de 6,5 metros no dia 3 de março de 2013, ficando em coma, com perda de tecido cerebral no lóbulo frontal direito.
A oração da família e das irmãs do Carmelo de Campo Mourão, no Brasil, pedindo a intercessão de Francisco e Jacinta, resultou na cura total de Lucas, facto que os médicos não conseguem explicar.
Sua Santidade o Papa Bento XVI autorizou abreviar o prazo canónico para abertura do processo de beatificação da Irmã Lúcia. O anúncio foi feito no dia 13 de Fevereiro de 2008 pelo Cardeal D. José Saraiva Martins, prefeito da Congregação para a Causa dos Santos, no Carmelo de Coimbra, onde presidiu à missa evocativa do terceiro aniversário da morte da vidente de Fátima.

Lúcia de Jesus Santos
Nasceu em Aljustrel, Fátima, a 22 de Março de 1907 e foi batizada a 30 de Março desse ano. Saiu de Fátima para o Asilo de Vilar, no Porto, onde entrou em 17 de Junho de 1921.
Depois foi para Tuy, em Espanha, a 24 de Outubro de 1925, onde entrou como postulante no Instituto de Santa Doroteia, tendo seguido no dia 26 para o convento de Pontevedra, tendo regressado um ano depois a Tuy, onde toma o hábito de noviça em 2 de Outubro.
Fez os primeiros votos temporários, em Tuy, fez os perpétuos a 3 de Outubro de 1934, na mesma cidade, para regressar a Portugal a 17 de Maio de 1946, tendo visitado Fátima entre 20 e 22 de Maio desse ano.
A 25 de Março de 1948 entrou para o Carmelo de Santa Teresa, em Coimbra, e tomou o nome de Irmã Maria Lúcia de Jesus e do Coração Imaculado.
Regressou a Fátima a 13 de Maio de 1967, no Cinquentenário das Aparições, a pedido do Beato Papa Paulo VI, em 12/13 de Maio de 1982, em 12/13 de Maio de 1991 e em 12/13 Maio de 2000, aquando das peregrinações do Papa São João Paulo II.
Em Dezembro de 2000 foi editado o seu livro Apelos da Mensagem de Fátima”, dirigido aos peregrinos de Fátima. Terminado em Março de 1997 é um conjunto de textos que a Irmã Lúcia foi escrevendo ao longo de vários anos, em resposta a questões que lhe eram colocadas.
Faleceu no Carmelo de Santa Teresa, em Coimbra, no dia 13 de Fevereiro de 2005, lugar onde foi sepultada.
No dia 19 de Fevereiro de 2006 foi trasladada para a Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima (ao lado do túmulo da Jacinta).

Francisco Marto
Francisco Marto nasceu no dia 11 de Junho de 1908 em Aljustrel e foi batizado a 20 de Junho desse mesmo ano.
Irmão de Jacinta Marto (1910-1920) e primo de Lúcia de Jesus, adoeceu a 23 de Dezembro de 1918, vítima de gripe pneumónica, e veio a falecer a 4 de Abril de 1919, depois de se ter confessado e comungado. Foi sepultado no cemitério de Fátima e em 17 de Fevereiro de 1952 foram exumados os seus restos mortais, sendo depois trasladado para a Basílica do Santuário em 13 de Março desse ano.
O seu processo de beatificação foi iniciado no dia 30 de Abril do mesmo ano de 1952, juntamente com o da sua irmã Jacinta. Mas só foi enviado para a Congregação para a Causa dos Santos, a 3 de Agosto de 1979.
A 28 de Junho de 1999, foi promulgado, na presença do Papa, o decreto da Congregação para a Causa dos Santos sobre o milagre atribuído a Francisco e Jacinta, em favor de Maria Emília Santos.
O Papa João Paulo II, em Fátima, no dia 13 de Maio de 2000, beatificou os pastorinhos Francisco e Jacinta Marto, marcando para 20 de Fevereiro (dia do falecimento da Jacinta), o dia da sua festa.

Jacinta Marto
Jacinta Marto nasceu em Aljustrel, a 11 de Março de 1910 e foi batizada a 19 de Março desse mesmo ano. Vítima de pneumónica, adoeceu em Outubro de 1918.
Esteve internada no hospital de Vila Nova de Ourém de 1 de Julho a 31 de Agosto de 1919, e mais tarde em Lisboa, no hospital de D. Estefânia, desde 2 de Fevereiro de 1920, onde morreu a 20 desse mês. De 21 de Janeiro a 2 de Fevereiro de 1920, esteve no Orfanato de Nossa Senhora dos Milagres, na rua da Estrela em Lisboa, casa fundada pela D. Maria da Purificação Godinho, a quem a Jacinta chamava “Madrinha”.
Foi celebrada Missa de corpo presente na Igreja de Nossa senhora dos Anjos, em Lisboa, onde o seu corpo esteve depositado até ao dia 24, dia em que a urna foi transportada para o cemitério de Vila Nova de Ourém. Aí ficou no jazigo dos barões de Alvaiázere.
Foi transladada para o cemitério de Fátima a 12 de Setembro de 1935, data em que a urna foi aberta. Em 30 de Abril de 1951 fez-se o reconhecimento canónico do corpo, e, em 1 de Maio seguinte, foi finalmente transladada para a Basílica do Santuário.
Além das cinco Aparições da Cova da Iria e de uma nos Valinhos, Nossa Senhora apareceu à Jacinta mais algumas vezes em casa durante a sua doença, uma na Igreja Paroquial numa Quinta-feira de Ascensão e ainda em Lisboa no orfanato e no hospital. Teve uma visão do Santo Padre no Poço do Arneiro e outra na Loca do Cabeço.
Foi beatificada em Fátima pelo Santo Padre, a 13 de Maio de 2000.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.