“Não estou feliz no Bayern”

Data:

O internacional português Renato Sanches disse hoje, numa entrevista à revista alemã Kicker, que está descontente no Bayern de Munique, em particular pela pouca utilização ao serviço do hexacampeão alemão de futebol.

“Não estou feliz aqui”, atirou o médio de 21 anos àquela publicação, numa entrevista curta em que demonstrou a frustração por “trabalhar muito” e continuar de fora das escolhas do treinador, o croata Niko Kovac.

Com contrato até 2021, Sanches fez este ano 21 jogos pelos bávaros, em todas as competições, mas quase sempre como suplente e com poucos minutos, e ficou de fora da mais recente convocatória da seleção portuguesa, ao serviço da qual se sagrou campeão europeu em 2016.

À Kicker, o ex-jogador do Benfica admite que poderá “ter de procurar outro clube” para poder “jogar mais”.

A última vez que o internacional luso foi titular, que é também a última vez em que atuou mais de 30 minutos no mesmo jogo, foi em 24 de novembro de 2018, com o Fortuna Dusseldorf (3-3).

Renato Sánchez conta 14 jogos na ‘Bundesliga’, apenas quatro como titular, um na Taça da Alemanha e seis na Liga dos Campeões, prova em que marcou o seu único tento da época, no Estádio da Luz, frente ao Benfica (2-0), em 19 de setembro.

O jovem futebolista não tem tido uma adaptação fácil nos alemães, aos quais chegou depois do Euro2016, proveniente dos ‘encarnados’, e chegou a estar emprestado ao Swansea, na temporada transata, antes de regressar.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.