Valença vai construir uma ciclovia com quase três quilómetros

Data:

A Câmara de Valença vai investir 636 mil euros na criação de uma ciclovia urbana, com quase três quilómetros de extensão.
A construção avançará em 2019 e tem um prazo de execução de um ano., informa a autarquia de Valença.
A autarquia do distrito de Viana do Castelo informa, num comunicado, que o novo percurso ciclável terá 2.800 metros e vai ligar as Portas do Sol, na Fortaleza de Valença, ao Centro Coordenador de Transportes, à Estação dos Caminhos de Ferro, ao Centro de Interpretação da Ecopista do Rio Minho e à Escola Superior de Ciências Empresariais (ESCE).
“A obra decorre no âmbito do Plano de Mobilidade Urbana Sustentável de Valença e pretende criar um corredor ciclável ligando o centro histórico, com a área central da cidade e os principais pontos de fluxo de mobilidade da cidade”, lê-se no comunicado.
No âmbito desta intervenção, a avenida dos Combatentes da Grande Guerra (Av. Cristelo) será completamente requalificada, em toda a sua extensão, desde a avenida de Espanha até à Fortaleza.
A nova avenida além do percurso ciclável, terá nova e melhor iluminação, um piso mais confortável e com melhor enquadramento urbanístico e arborização nova.
Na Ponte Seca, será construida uma nova ponte pedonal e ciclável, com estrutura metálica, junto à ponte atual, de modo a permitir a passagem do corredor ciclável. “Uma intervenção que resolverá um problema antigo da ligação da cidade à parte norte da Ecopista do Rio Minho”, avança a autarquia.
O primeiro troço da ecopista do rio Minho entre Valença e Monção foi inaugurado em 2004 e tem, atualmente, uma extensão superior a 20 quilómetros entre os centros históricos dos dois municípios vizinhos.
Em 2009, aquele troço da ecopista do rio Minho foi classificado como o quarto melhor da Europa.
Em 2017, o percurso total, de cerca de 46 quilómetros, entre Seixas, no concelho de Caminha, e Monção, recebeu o título de terceira melhor Via Verde da Europa.
A obra tem por grande objetivo “oferecer uma rede atrativa e segura de mobilidade urbana que incentive o uso de meios de transporte mais saudáveis e amigos do ambiente” e será financiada pelo programa Norte 2020.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.