Plataformas online representaram cerca de 75% das vendas da indústria musical nos EUA

Data:

As plataformas online representaram cerca de 75% das vendas da indústria da música nos Estados Unidos, que alcançaram 9,8 bilhões de dólares, um aumento de 12%, segundo dados publicados pela Associação Americana da Indústria de Gravação (RIAA).

Em 2017, a proporção do de streaming nas receitas da indústria musical tinha sido de 65% e 52% no ano anterior, anunciou a associação.

A RIAA inclui na categoria de streaming as plataformas gratuitas e pagas, incluindo sites de vídeo como o YouTube, bem como rádios digitais.

Segundo a associação, o número de assinaturas ultrapassou, no final de 2018, os 50 milhões.

Em apenas três anos, entre o final de 2015 e o final de 2018, o número de assinantes de serviços de música online aumentou cinco vezes.

As assinaturas representam 63% das receitas de streaming e quase metade da receita da indústria de música dos EUA (47%).

Todas as outras fontes de receita para a indústria da música caíram, à exceção do vinil, cujas vendas subiram 7,9%, para 419 milhões de dólares.

O setor de discos de vinil, em plena renovação, não gerava tais receitas desde 1988.

Embora em fase de forte aceleração desde 2016, o volume de negócios da indústria fonográfica nos Estados Unidos permanece significativamente menor em comparação com os níveis de entre 1994 e 2007.

Em 1999, um ano recorde, as receitas foram de 14,6 bilhões de dólares, dos quais 88% foram através da venda de CDs.

Em 2018, os Estados Unidos venderam 52 milhões de CDs, em comparação com 939 milhões em 1999.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.