Brussels Airlines cancela todos os voos na próxima quarta-feira devido a greve

Data:

A companhia aérea belga Brussels Airlines vai cancelar todos os voos previstos para quarta-feira, dia 13 de fevereiro, devido à greve nacional prevista na Bélgica, anunciou a transportadora.

“A Brussels Airlines suprime o seu programa inteiro de 222 voos. Os itinerários de viagem de mais de 16.000 passageiros estão afetados”, indicou a companhia belga, cuja única base na Bélgica é o aeroporto de Bruxelas.

A filial da alemã Lufthansa tomou esta decisão por “considerar que as operações do aeroporto de Bruxelas serão provavelmente severamente afetadas na sequência de ações de diferentes partes envolvidas no aeroporto”. De acordo com o diário flamengo Morgen, citado pela AFP, os controladores aéreos farão greve.

A companhia aérea tinha anunciado na quinta-feira que iria realizar 72 dos 222 voos realizados normalmente, mas tomou hoje a decisão de cancelar todas as ligações.

Três grandes centrais sindicais belgas apelaram à realização de uma greve nacional na próxima quarta-feira, em todos os setores, no setor público e privado, por todo o país.

Os sindicatos reclamam um aumento dos salários, dos subsídios, das pensões e melhores condições de fim de carreira.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.