Carmim cria nova imagem para a marca Monsaraz

Data:

‘Nova imagem, a mesma Tradição!’ foi o lema escolhido para a nova identidade da marca Monsaraz, da Carmim – Cooperativa Agrícola de Reguengos de Monsaraz.
“O rebranding do projecto ‘Monsaraz’, que engloba onze referências, tem como objectivo reforçar a versatilidade e o posicionamento de excelência desta linha”, informa a Carmim.
A marca Monsaraz, com uma identidade própria associada à tradição, inicia assim um novo ciclo, funcionando como um input para a própria linha, mas também para a imagem da Carmim, incrementando a sua quota parte no portefólio do grupo.
A Carmim – Cooperativa Agrícola de Reguengos de Monsaraz – foi criada em 1971 por um grupo de 60 viticultores com o objetivo de produzir e comercializar vinho, a partir da uva de um grupo de viticultores da região.
Possui atualmente cerca de 900 associados e produz 74 referências de vinhos: dos brancos aos tintos, dos jovens aos reservas, passando pelos licorosos, rosé e espumantes. A Carmim também produz aguardente e azeites de reconhecida qualidade.
Os vinhos da Carmim têm sido distinguidos com mais de 600 prémios em vários concursos nacionais e internacionais.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.