Café português cria “biscoitos Ronaldo” que geram polémica no Reino Unido

Data:

José Gonçalves, de 47 anos, vive no Reino Unido e tem gerou polémica ao vender, no seu café, bolachas alusivas às acusações de violação de que Cristiano Ronaldo é alvo. Os “biscoitos Ronaldo” foram vendidos a 50 centavos no seu café Our Taste of Portugal, em Worcester.

A sua iniciativa foi alvo de críticas nas redes sociais. Lydia Johnson, coordenadora num centro que ajuda vítimas de abusos sexuais, considerou que nunca é correcto fazer piadas acerca de violação ou abuso sexual. “Não acreditei quando vi no Facebook, fiquei enojada ao ouvir a história”, detalhou.

Gonçalves vive em Worcester há dez anos. Considerou as bolachas uma brincadeira que tem que ver com “o sentido de humor britânico”, mas acabou por retirá-las do café face à polémica. Vendeu entre 50 e 70 bolachas.

O dono do café justificou-se e escreveu na página oficial de Facebook do estabelecimento: “Adoro Cristiano Ronaldo. Vou defendê-lo porque acredito na sua versão. Quanto às bolachas, a palavra ‘violação’ foi usada pela rádio por vontade própria. Não tenho nada a ver com isso. A nossa ideia era fazer 30 biscoitos e brincar com a situação com os nossos amigos e clientes de uma maneira que foi bem-aceite e a que toda a gente achou piada. Só por um dia. Foi muito malicioso o que a rádio publicou na sua página. Não o autorizei. Sou homossexual e fui abusado quando era criança. Se há pessoas que não gostam de ouvir essa palavra, eu sou uma delas. Lamento se fiz as pessoas sentirem-se mal. Só tenho que pedir desculpas a todos.”

 

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.