Proteção Civil alerta para riscos agravados de incêndios rurais

Data:

A Autoridade Nacional de Proteção Civil emitiu um alerta sobre os riscos agravados de incêndios rurais a partir de 1 de agosto, com particular incidência hoje e amanhã, devido ao aumento das temperaturas e avança com medidas de prevenção

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) refere que para hoje e amanhã, 2 e 3 de agosto, preveem-se temperaturas máximas de 35ºC na generalidade do território,“com valores superiores a 40ºC no Alentejo, Vale do Tejo e Beira Baixa, “podendo mesmo registar-se temperaturas de 45ºC nalguns locais”.
“Estão reunidas condições para a ocorrência de situações de instabilidade atmosférica, sendo estas mais prováveis a partir da tarde de 2 de agosto. Esta situação meteorológica, de tempo muito quente e seco, deverá persistir pelo menos até dia 5 de agosto”, refere a nota da ANPC.
A Proteção Civil alerta ainda que este quadro acarreta um risco de incêndio muito elevado na região do Algarve e no interior Norte e Centro e elevado a muito elevado no baixo Alentejo, com “agravamento previsto nas próximas 48 horas para o sotavento algarvio, esperando-se o aumento gradual do número de concelhos com risco máximo”.
No domingo, 5 agosto, a Proteção Civil prevê ainda um agravamento destes índices no interior Norte e Centro, com um número mais elevado de concelhos a apresentarem risco muito elevado – em especial a região de Trás-os-Montes, onde pode haver concelhos onde seja atingido o risco máximo.
A ANPC lembra ainda que a exposição ao calor intenso pode produzir efeitos negativos na saúde, “sendo as crianças, os doentes crónicos e as pessoas idosas particularmente vulneráveis”.

Prevenir contra incêndios

Como medidas de prevenção a ANPC recorda que, de acordo com a lei em vigor, não é permitido realizar queimadas, fogueiras para recreio ou lazer, ou para confeção de alimentos ou ainda queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração.
Está também interdito o uso de equipamentos de queima e de combustão destinados à iluminação ou à confeção de alimentos e o lançamento de balões com mecha acesa ou qualquer outro tipo de foguetes.
É igualmente proibido fumar ou fazer lume de qualquer tipo nos espaços florestais e vias que os circundem e fumigar ou desinfestar apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.
A Proteção Civil pede ainda atenção a quem estiver a fazer trabalhos agrícolas e florestais, no sentido de manter as máquinas e equipamentos limpos de óleos e poeiras, abastecer as máquinas a frio e em local com pouca vegetação e ter cuidado com as faíscas durante o seu manuseamento, evitando a sua utilização nos períodos de maior calor.

Estão previstas temperaturas de 35ºC na generalidade do território, com valores superiores a 40ºC no Alentejo, Vale do Tejo e Beira Baixa, alerta a ANPC

Cuidados com a saúde

Em relação aos efeitos negativos que a onda de calor possa acarretar, a ANPC recorda a necessidade das pessoas procurarem ambientes frescos e evitarem que o calor entre dentro das habitações (basta correr as persianas, ou portadas, manter o ar circulante dentro de casa e evitar ligar fornos).
Beber água ou sumos de fruta natural sem açúcar e evitar o consumo de bebidas alcoólicas, evitar a exposição direta ao sol, principalmente entre as 11 e as 17 horas, utilizar roupa solta (de preferência de algodão), que cubra a maior parte do corpo, chapéu de abas largas e óculos de sol, são outras das medidas de proteção recordadas pela ANPC.
De recordar ainda outros cuidados, como utilizar de protetor solar com fator 30+, escolher as horas de menor calor para viajar de carro, não permanecer dentro de viaturas estacionadas e expostas ao sol e nem deixar os animais domésticos no carro, evitar atividades que exijam grandes esforços físicos e dar atenção especial a grupos mais vulneráveis ao calor, como crianças, idosos, doentes crónicos, grávidas, pessoas com mobilidade reduzida, trabalhadores com atividade no exterior e pessoas isoladas.

Ana Grácio Pinto

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.