Cristiano Ronaldo em negociações com a Juventus?

Data:

O jornal Marca avança que Cristiano Ronaldo está em negociações com a Juventus que está disposta a pagar 100 milhões de euros ao Real Madrid e cerca de 30 milhões de euros por ano ao craque português. 

O jornalista Josep Pedrerol, apresentador do programa de televisão “El Chiringuito de Jugones”, avançou mesmo que o campeão espanhol já terá aceite a proposta da Juventus.

Cristiano Ronaldo, recorde-se, tem uma cláusula de rescisão fixada em mil milhões de euros que, garante a Marca, o Real Madrid aceita baixar para permitir a sua saída.

Também o jornal desportivo italiano “Tuttosport” avança que há um forte interesse da Juve na estrela portuguesa.

Uma das razões que, e segundo a imprensa italiana, está a pesar na decisão de Cristiano Ronaldo foi o carinho dos adeptos da equipa de Turim quando o capitão da seleção portuguesa marcou um golo de pontapé bicicleta à Juventus, na Champions, em abril. Recorde-se que CR7 foi aplaudido de pé depois desse golo.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.