Polícia francesa encontra família lusodescendente que estava desaparecida

Data:

A Polícia Nacional francesa divulgou esta manhã que foram encontrados “sãos e salvos” os quatro membros da familia lusodescendente que estava desaparecida em França desde 28 de abril.
A polícia retirou o alerta que tinha lançado na quarta-feira a pedir informações sobre o desaparecimento da família de quatro.
O pai, de 46 anos, é Stéphane da Silva, lusodescendente. Juntamente com a mulher, de 42 anos, e dos filhos, Maxime de 13 e Melyssa de 6, tinham sido vistos pela última vez em Laxou, onde vivem.
Foram as filhas mais velhas de Stéphane, fruto de uma outra união, que deram o alerta há cerca de 15 dias.
A filha mais velha terá encontrado a porta arrombada e a casa com sinais de ter sido revistada, segundo contou ao ‘L’Est Républicain’.
No dia 2 de maio, sem qualquer notícia do pai há alguns dias, uma das filhas decidiu ir até ao apartamento onde a família morava.
Chegada lá, deparou-se com a casa vazia, com sinais de arrombamento e com quase 200 frascos de metadona (um medicamento prescrito para o tratamento de toxicodepencências).
“Estamos a tentar evitar pensar no impossível”, disse a irmã de Stéphane da Silva à ‘BFMTV’, ainda esta quinta-feira, revelando ainda que tanto Stéphane como Nathalie são toxicodependentes em recuperação.
A família avançava a possibilidade de terem fugido para escapar de traficantes.

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.