Câmara da Madalena promove informática para idosos

Data:

A Câmara da Madalena, na Ilha do Pico (Açores) vai promover um novo curso de informática para idosos, para que adquiram conhecimentos nesta área desconhecida para a maioria.
Ao longo dos últimos quatro anos, já participaram nesta formação leccionada de forma completamente gratuita, mais de meia centena de seniores, “que descobriram no computador um aliado contra a solidão” destaca uma nota divulgada pela Câmara da Madalena.
As inscrições estão abertas até 22 de dezembro e podem ser feitas no edifício da Câmara Municipal da Madalena ou pelo telefone: 292 628 700.
A formação visa promover a inclusão e literacia digitais dos mais velhos, estimulando a auto-estima, a memória e as capacidades cognitivas dos idosos, em prol do envelhecimento ativo. “A autarquia pretende, assim, dar continuidade ao projeto iniciado em 2014 e que granjeou enorme sucesso junto da comunidade sénior, apostando na proximidade e em aulas com uma componente essencialmente prática, para maximizar os resultados”, lê-se na nota da Câmara da Madalena.

 

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.