Fundação Real Madrid abre quarta escola sociodesportiva em Portugal

Data:

A fundação Real Madrid contratualizou a abertura da quarta escola sociodesportiva em Portugal, vocacionada para crianças, que irá funcionar em parceria com a instituição de Guimarães, Alma Branca.

Depois de ter criado uma escola em Vila Real de Santo António, no Algarve, e mais duas em conjunto com a fundação Salesianos, no Funchal e em Manique, concelho de Cascais, a fundação tem agora a primeira escola no norte do país, entre as mais de 400 que opera em 72 países, nas modalidades de futebol e basquetebol.

A apresentação do projeto, decorrida em Guimarães, contou com a presença do diretor-gerente da instituição madrilena, Júlio González Ronco, para quem o principal objetivo é educar as crianças pelo desporto para formar cidadãos para o futuro, razão pela qual escolheu trabalhar com a associação vimaranense.

“A associação Alma Branca tem como objetivo trabalhar a educação das crianças através do desporto para o seu desenvolvimento como pessoas, principalmente junto dos que têm mais dificuldades por baixos recursos económicos ou por problemas de aprendizagem e familiares”, disse.

O responsável ‘merengue’ acrescentou também que, para a fundação Real Madrid, o desporto é “uma ferramenta de inclusão”, não servindo para “criar equipas competitivas” e que projetos como este enquadram-se nos valores de “respeito ao adversário, ao companheiro e aos pais”.

O evento de apresentação da parceria contou, além de Júlio González Ronco e do presidente da associação Alma Branca, Paulo Teixeira, com a presença do vice-presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Carlos Coutada, que afirmou ser importante as crianças terem mais opções no desporto.

“É importante fugir à formatação em idades em que as crianças ainda estão a maturar as suas capacidades. Os projetos educativos devem ser inclusivos”, referiu, tendo dito ainda que a associação da marca Real Madrid vai valorizar o projeto.

Também o responsável da escola do Algarve, Carlos Afonso, elogiou a iniciativa, tendo dito que deve ser especialmente direcionada para crianças dos seis aos 10 anos, que se encontram em “forte” período de “aprendizagem motora e cognitiva”.

“A nossa grande amostra são as crianças do primeiro ciclo. A partir dos 14, 15 anos, poucas transformações conseguimos fazer nos alunos”, disse o algarvio numa cerimónia que contou ainda com o vereador da Câmara Municipal de Guimarães, Ricardo Costa, e com os embaixadores do projeto Pedro Mendes, ex-futebolista, e José Pereira, presidente da Associação Nacional de Treinadores de Futebol.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.