“Emigrantes esperam uma palavra de estímulo, de incentivo e de confiança”

Data:

Nascido a 4 de outubro de 1971, com um mestrado em Estudos Africanos – Elites Politicas e a frequentar o doutoramento em Ciência Política e Administração José Luis Carneiro, é professor universitário, na Universidade Lusíada e no Instituto de Ciências da Informação e Administração de Aveiro. Foi deputado à Assembleia da República na  X Legislatura (2005-03-10 a 2009-10-14) e regressou na XIII Legislatura, iniciada após as eleições de 4 de outubro.
No Parlamento é membro das comissões de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação; Assuntos Europeus; Agricultura e Mar.
Pelo meio, foi durante dez anos presidente da Câmara Municipal de Baião – entre novembro de 2005 e outubro de 2015. Entre 2006 e outro deste ano foi membro do Comité das Regiões entre 2006 e 2015. Integrou as Comissões de Educação, Juventude, Ciência e Cultura (EDUC) e a comissão de Coesão Territorial (COTER) e foi ainda eleito presidente da Comissão de Recursos Naturais (NAT), função que desempenhou entre Fevereiro e Outubro deste ano.
Entre outros cargos que já assumiu estão o de vereador na Câmara Municipal de Baião, entre 1998 e 2005; assessor do gabinete do Secretário de Estado Adjunto do Ministro da Administração Interna entre 1999 e 2000; chefe de Gabinete do Grupo Parlamentar do Partido Socialista entre 2000 e 2002. Foi ainda membro do Conselho Económico e Social entre dezembro de 2013 e outubro de 2015 e do Conselho Geral da Associação Nacional dos Municípios Portugueses, entre novembro de 2013 e outubro deste ano.
José Luis Carneiro integra agora o XXI Governo Constitucional, que tomou posse a 26 de novembro, como secretário de Estado das Comunidades Porutguesas. Vai depender do Ministério dos Negócios Estrangeiros liderado por Augusto Santos Silva.
À entrada para a cerimónia, o novo titular da pasta das Comunidades disse aos jornalistas, que espera “seja possível responder à defesa do interesse público e à salvaguarda do interesse do país”.
“No meu caso em concreto estou muito preocupado com a expectativa e com a esperança das comunidades emigrantes porque é para elas que vamos trabalhar, não apenas para aquelas que já estão há muitas décadas na emigração, mas aquelas que são as novas gerações que esperam da nossa parte uma palavra de estímulo, de incentivo e de confiança”, disse aos jornalistas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.