Dois portugueses são candidatos a ‘mayor’ no Canadá

Data:

Rosalinda Garcia, natural de Arrifes, São Miguel (Açores), emigrou para o Canadá com a sua família aos sete anos de idade, e está a candidatar-se ao cargo de presidente da Câmara de Whitby, uma cidade localizada a leste de Toronto, que vai a votos no próximo dia 27 de outubro.
A portuguesa justifica a sua candidatura com a necessidade de contrariar o desemprego jovem, um problema que também afeta a segunda geração de imigrantes. “Adoro a cidade onde resido há 14 anos, e estou a candidatar-me porque é necessário mudar a mentalidade da forma como pensam em fazer as coisas”, disse Ros Whitby, nome como é conhecida.
Caso seja no final deste mês, a empresária de 47 anos, pretende criar “parcerias” com outras autarquias para trocar experiências, mostrando-se “confiante” na vitória no sufrágio municipal e pretendendo levar o melhor entre os cinco candidatos ao cargo, mostrou-se ainda preocupada com a “falta de emprego” para a juventude.
Dada a sua experiência no setor empresarial, Ros Whitby pretende um maior envolvimento naquele setor com as pequenas e médias empresas “atraindo novos negócios para a cidade”. “É necessário fazer algo, quando olho para os mais novos na escola, na universidade, vejo que no futuro não terão empregos, é preciso fazer algo, criando parcerias com as empresas”, sugeriu.
A candidata também não esqueceu os cerca de dois mil portugueses e lusodescendentes residentes em Whitby. “Sinto-me muito orgulhosa, pois dão-me muita confiança com o apoio demonstrado, têm sido fantásticos”, destaca.
No entanto, Rosalinda Garcia reconhece que é necessário votar “para se fazerem mudanças”, até porque a adesão dos eleitores nas últimas eleições municipais, em 2010, não foi famosa, apenas 25 por cento exerceu esse direito.  
Whitby é uma cidade metropolitana de Toronto, localizada na região de Durham, a 15 km do leste de Toronto, localizada nas margem norte do lago Ontário. Existem cerca de 125 mil habitantes, cerca de dois mil são portugueses e lusodescendentes.

 

TERCEIRA REELEIÇÃO

E um lusodescendente vai tentar ser eleito pela quarta vez presidente da Câmara Municipal de Kingsville, um município localizado mais a sul do Canadá.
Nelson Santos é o autarca da cidade desde 2003, voltou a vencer em 2006 e 2010, e no dia 27 de outubro vai procurar a sua reeleição para aquele cargo. “Quero que a cidade tenha boa qualidade para se viver, para os residentes e para as suas famílias, queremos melhorar neste aspeto para que os nossos jovens se possam fixar e os idosos possam permanecer na comunidade”, começou por afirmar à agência Lusa o antigo jornalista, de 44 anos.
Formado na Universidade de Windsor, em Ciências Sociais e Políticas, Nelson Santos ingressou na política pela primeira vez em 1997, tendo sido eleito vereador na Assembleia Municipal da cidade.
Kingsville está inserida na região de Essex County, num conjunto de sete municípios, sendo considerada a câmara dentro daquela região com os preços mais acessíveis para se ter uma “melhor” qualidade de vida.  
Do programa eleitoral da recandidatura, Nelson Santos quer apostar verdadeiramente “no turismo”, até porque existem “potencialidades” para tal. “Queremos mais turismo para beneficiar o comércio local, os restaurantes, estamos a melhorar as praias (de água doce), temos três grandes produtores de vinho, um deles considerado o maior do Canadá, há também o Santuário Jack Miner (um dos ideólogos do conservadorismo norte americano), são potencialidades que temos de aproveitar”, explicou.
Caso seja reeleito, Nelson Santos proveniente de uma família de emigrantes orientes da zona de Leiria e da Batalha, poderá partir para outros voos, concorrendo para o cargo de deputado pelo círculo eleitoral de Essex, mas é algo que para já “não é prioritário”. “Não sei o que vai ser o meu futuro. Não há limites, mas agora quero concentrar-me em Kingsville, tenha uma filha com seis anos, e para o ano serei pai novamente, para já estas são as minhas prioridades”, esclareceu.
Kingsville é o município localizado mais a sul do Canadá, a norte do Lago Erie, a apenas 45 minutos de Detroit (Estados Unidos), conta com cerca de 21.362 habitantes (dados de 2011). Existem cerca de 1600 portugueses e lusodescendentes no município.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.