José Cesário diz que comunidades são importantes para Portugal

Data:

O secretário de Estado das Comunidades aproveitou a tradicional mensagem de Natal para pedir aos portugueses que tencionam emigrar que se informem sobre a realidade que os espera, para evitar situações de abuso e exploração.
Numa mensagem dirigida “à grande Família Portuguesa”, José Cesário faz uma referência aos que, “em virtude de situações de dificuldades e carências”, se veem obrigados a sair do país, “não por opção, mas por necessidade”. “Mais jovens e mais velhos, de vários extratos sociais, vários são os Portugueses que se encontram nesta situação”, reconhece o governante.
A todos eles, o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas relembra que “é essencial informarem-se acerca da realidade que vão encontrar e estarem cientes dos direitos que os assistem, pa ra evitar cair em situações de abuso ou exploração”.
Recomenda a consulta da campanha «Trabalhar no Estrangeiro – Informe-se antes de partir» e apela aos emigrantes que, no caso de terem dificuldades, recorram aos postos diplomáticos, consulados ou embaixadas, a procurar ajuda.
“Devem continuar a contar com Portugal, continuarem ligados a Portugal, quer de forma direta, quer através do relacionamento com as Comunidades Portuguesas estabelecidas há mais tempo e conhecedoras da realidade local”, aconselha ainda.
Na mesma mensagem, José Cesário reitera que a contribuição das Comunidades Portuguesas para o presente e futuro de Portugal “é da maior importância e permite ao País adquirir uma dimensão que de outra forma não teria”.
Dirigindo-se aos empresários portugueses no estrangeiro, “que estão a dar um contributo fundamental para a recuperação” da economia, o secretário de Estado agradece o esforço e confiança, contributo que considera “decisivo para o futuro de Portugal”.
Cesário agradece ainda a todos os que trabalham na rede diplomática e consular, que “ajudam a transmitir uma imagem de um Portugal moderno”, e aos “homens e mulheres de cultura, aos professores, aos académicos, aos investigadores, aos que promovem a Língua e a Cultura Portuguesas no mundo”.
O governante termina a mensagem com uma “nota de confiança no futuro que se alicerça em sinais positivos”: “no arranque do Ano Novo, quero reafirmar a enorme esperança que temos para o futuro do nosso país”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.