Torrs Vedras: Pastel de feijão em processo de certificação

Data:

A Câmara de Torres Vedras e os fabricantes do pastel de feijão produzido no concelho estão a concluir o processo de certificação geográfica do produto artesanal, para lhe conferirem maior qualidade e capacidade exportadora.
A vereadora da Cultura daquele município, Ana Umbelino, disse à agência Lusa que o “dossiê de certificação está finalizado e está a ser apreciado por consultores” para ser, depois, enviado para aprovação para o Ministério da Agricultura e para a Comissão Europeia. “Estamos a proteger um património, uma marca”, afirmou a autarca, explicando que a certificação vem trazer mais qualidade ao produto, com o aumento das exigências para os produtores na sua confeção.
Dessa forma, dá uma “maior promoção” ao pastel de feijão e “mais benefícios económicos” aos seus fabricantes que, assim, podem começar a apostar mais na exportação deste produto artesanal, à semelhança do que acontece com o pastel de nata.
Maria Perpétua Lourenço, gerente da fábrica “Brasão”, adiantou à agência Lusa que algumas experiências na remessa de caixas de pastéis de feijão para o estrangeiro têm tido bons resultados, apesar de a empresa ainda não ter estratégia de internacionalização do produto. “Pedem-nos encomendas através da internet e já temos enviado caixas para particulares”, relatou, mas é à boleia dos ovos-moles de Aveiro [já com a certificação] que os pastéis de feijão chegam a lojas em Madrid, Barcelona (Espanha) e Luanda (Angola), segundo os ecos que recebe.
No concelho, existem 30 fabricantes (20 integram o processo de certificação), responsáveis pela produção de 660 mil pastéis de feijão por ano, que trazem um retorno de meio milhão de euros à economia local.
“Queremos credibilizar o nosso pastel de feijão e divulgá-lo mais”, disse também Mário Reis, presidente da Associação Comercial e Industrial do Oeste (ACIRO).
Os produtores viram publicada, este mês, em Diário da República a marca registada do “pastel de feijão de Torres Vedras”. Para ajudar à promoção, a câmara municipal organiza, desde há três anos, o Festival do Pastel de Feijão, promovendo aí várias iniciativas, como concursos entre fabricantes, provas de degustação e ações de formação para aprender a confecionar o doce.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.