Liga dos Campeões: FC Porto e Benfica com vida muito complicada

Data:

Vida difícil para o FC Porto e o Benfica na Liga dos Campeões. O Benfica perdeu por 1-0 com o Olympiacos, em encontro da quarta jornada do Grupo C, disputado em Atenas, e ficou, praticamente, fora dos oitavos de final. Já o FC Porto, que empatou na Rússia, fica com a  questão da luta pelo segundo lugar no Grupo G adiada para as duas últimas rondas, com ligeira vantagem para o Zenit…

O Benfica realizou a melhor exibição da temporada, mas um erro defensivo e uma enorme exibição de Roberto ditaram uma derrota (1-0) no reduto do Olympiacos, que dita, praticamente, o adeus à Liga dos Campeões.
Em termos matemáticos, o “onze” de Jorge Jesus ainda pode sonhar com a possibilidade de jogar a final da Luz, mas a verdade é que as suas hipóteses são quase nulas e muito por culpa do seu ex-guarda-redes, o espanhol Roberto.
Se falhou na Luz, possibilitando que o Benfica empatasse, em Atenas, o “16” do conjunto grego esteve verdadeiramente sensacional, com mais de meia dúzia de defesas de enorme qualidade, que quase colocam o Olympiacos nos “oitavos”.
Os “encarnados” também têm que lamentar a sua falta de eficácia, ao não aproveitarem nenhuma das mais de 10 ocasiões claras para marcar, bem como o erro que esteve na origem do golo grego, apontado por Manolas, aos 13 minutos, após um canto.
Ainda assim, foi uma exibição claramente a fazer lembrar a época passada, pela forma como a equipa jogou e as muitas oportunidades de golo criadas, mas que nada valeu. Era mesmo um jogo decisivo e o Benfica dificilmente “fugirá” à Liga Europa.
No dia seguinte, uma nova falha da defesa portista comprometeu as ambições do FC Porto na Champions, que, ao empatar no terreno do Zenit (1-1), ficou dependente de resultados para aspirar à passagem aos “oitavos” da prova.
Ao golo do argentino Lucho González, marcado aos 23 minutos, “respondeu” o brasileiro Hulk, ex-FC Porto, cinco minutos depois, aproveitando uma falha coletiva da defesa e fixando um desfecho favorável à equipa russa, que se mantém no segundo lugar do Grupo G, agora com cinco pontos, mais um do que os portistas.
A equipa de Paulo Fonseca, que no primeiro período, apesar do “contratempo” do golo sofrido, esteve sempre perto da baliza do Zenit, mostrou menos clarividência após o intervalo, com mérito para a tática imposta pelos russos, à qual Paulo Fonseca só respondeu no último quarto de hora.
O Zenit, com o internacional português Danny em campo (mas substituído, por lesão, antes da meia hora de jogo) e Luís Neto no banco, teve no brasileiro Hulk, mais uma vez, o “carrasco” dos portistas, tendo em conta que foi dos seus pés que “nasceu” o lance de golo de Kerzhakov no jogo no Porto, na jornada anterior.
Mas o ex-portista podia ter sido mais “duro” a castigar a antiga equipa, não tivesse falhado uma grande penalidade, já no segundo tempo, marcada de forma muito denunciada, não tendo conseguido enganar Helton.

YOUTH LEAGUE
Na Youth League, o FC Porto venceu o Zenit, por 2-1, em jogo da quarta jornada do Grupo G, disputado em São Petersburgo, na Rússia.
Na competição cópia da Liga dos Campeões destinada ao escalão de juniores dos clubes participantes, o FC Porto recuperou em casa do Zenit de uma desvantagem de 1-0, para uma vitória por 2-1.
O primeiro golo da partida foi apontado por Rebenko, aos 30 minutos, estabelecendo o resultado com que as equipas recolheram ao intervalo.
Na segunda parte, o FC Porto logrou empatar por Luís Rafael, aos 47 minutos, na sequência de um canto, e André Silva, aos 64, concretizou a reviravolta e estabeleceu o resultado final.
Com os três pontos conquistados na Rússia, o FC Porto ascendeu à segunda posição do grupo, com os mesmos sete pontos do líder Áustria de Viena.
Já o Benfica cedeu os primeiros pontos na UEFA Youth League de futebol, ao empatar em casa 0-0 com os gregos do Olympiacos, em jogo da terceira jornada, mas conservou a liderança do Grupo C.
Na partida disputada no Centro de Estágio do Seixal, os dois guarda-redes estiveram em destaque, com um punhado de defesas que mantiveram o nulo, um resultado que favorece mais os “encarnados” do que a equipa ateniense.
Com este empate, e após vitórias sobre Anderlecht (3-0 em casa) e Paris-Saint Germain (4-1 fora), o Benfica assegura a manutenção do primeiro lugar, com sete pontos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.