Sporting: Orgãos Sociais demitem-se e vão a eleições a 23 de março

Data:

Os órgãos sociais do Sporting vão demitir-se em bloco e serão convocadas eleições para 23 de março, anunciou esta segunda-feira o presidente da Mesa da Assembleia Geral (AG), Eduardo Barroso.

“Os titulares dos órgãos sociais do Sporting, Mesa da Assembleia-Geral, Conselho Diretivo e Conselho Fiscal e Disciplinar, estiveram reunidos em plenário no dia de hoje. Nesta reunião entenderam renunciar ao mandato para o qual foram eleitos, no dia 06 do corrente mês, marcando novo ato eleitoral para 23 de março de 2013. Os órgãos sociais manter-se-ão em funções até à tomada de posse dos eleitos. Desconvoca-se a Assembleia Geral prevista para 09 de fevereiro de 2013”, leu Eduardo Barroso.

A decisão foi anunciada após uma reunião de hora e meia realizada nas instalações da SAD do Sporting, junto ao Estádio José Alvalade, em Lisboa, na qual estiveram Luiz Godinho Lopes, João Mello Franco e o presidente da Mesa da AG que tinha marcado aquela reunião magna com o objetivo de destituir a direção, eleita há dois anos.

Eduardo Barroso explicou que a demissão dos órgãos sociais, a cerca de uma ano do fim do mandato, tem efeito a partir de 6 de fevereiro, de forma a poderem ser convocadas eleições num fim de semana, como mandam os estatutos do clube.

O responsável pela Mesa da Assembleia Geral aproveitou ainda para apelar à unidade dos sportinguistas, depois de o órgão por si liderado ter dado aval à realização de uma AG extraordinária com a intenção de afastar a direção Godinho Lopes, provocando uma cisão interna.

Godinho Lopes, que viu um tribunal rejeitar uma providência cautelar que pretendia travar a realização da AG, já tinha manifestado disponibilidade para ir a votos no final da época, desde que a AG fosse desconvocada, acusando os membros da Mesa da AG, nomeadamente o vice-presidente, Daniel Sampaio, de causar uma instabilidade que inviabilizou transferências, afastou investidores e dificultou negociações com a banca.

A decisão hoje tomada vai antecipar a chamada dos sócios à urnas, numa altura em que a equipa de futebol Sporting cumpre a sua pior época de sempre e em que a SAD enfrenta problemas financeiros complicados.

Godinho Lopes, eleito, tal como os restantes, a 24 de março de 2011, afirmou que no seu mandato conseguiu fazer entrar 108 milhões de euros no Sporting, mas assumiu a falta de liquidez, anunciando que serão necessários de 30 milhões de euros até final da época.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.