Açors: Proposta de Orçamento Regional prevê despesa global de 1354,3 milhões de euros

Data:

A proposta de orçamento regional dos Açores para 2011 prevê uma despesa global de 1354,3 milhões de euros, incluindo as operações extra-orçamentais, refere uma nota  divulgada pelo gabinete de comunicação do executivo açoriano.
O documento, que começa quinta-feira a ser discutido nas comissões parlamentares especializadas, refere que as despesas de funcionamento dos serviços e organismos da administração regional ascendem a 610,6 milhões de euros, o que representa uma quebra de 0,9 por cento relativamente a este ano. A restante despesa prevista para 2011 está afecta ao Plano Anual de Investimentos (506,7 ME) e às denominadas operações extra-orçamentais (237 ME). Relativamente às receitas, as autoridades regionais esperam arrecadar no próximo ano 563,3 milhões de euros em receitas próprias, estimando que as receitas fiscais ascendam a 522,9 milhões de euros.
A previsão do executivo regional aponta para uma cobrança de 187,3 milhões de euros em IRS e 35 milhões de euros em IRC, enquanto os impostos indirectos deverão render 326,5 milhões de euros, entre os quais se encontram o IVA (201,2 ME), o Imposto sobre Produtos Petrolíferos (55 ME), o Imposto sobre o Tabaco (30 ME) e o Imposto sobre Veículos (10,5 ME).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.