Taça de Portugal: Alguns sustos mas poucas surpresas

Data:

A lei do mais forte voltou a ditar as regras na 3ª eliminatória da Taça de Portugal e a maioria das equipas da liga principal seguem em frente na competição. União de Leiria e Naval foram as excepções, com destaque para os leirienses que caíram aos pés do União da Madeira da 2ª Divisão.

A lei do mais forte voltou a prevalecer. A única excepção acabou por ser a União de Leiria que caiu em casa frente ao “secundário” União da Madeira.
A União de Leiria pagou o preço pelo excesso de confiança revelado ao longo de todo o encontro realizado no Estádio Municipal de Leiria, acabando por ser afastada com justiça, perante um União da Madeira, que disputa outro campeonato – duas divisões abaixo – e viu recompensada a sua atitude em campo. Os leirienses até “entraram” a vencer ao colocar-se em vantagem logo aos dois minutos, com um golo de N’Gal, na sequência de uma defesa incompleta de Adriano, após remate de Pateiro. A recompensa do fantástico desempenho dos madeirenses surgiu aos 90 minutos, num livre cruzado para a área, em que a bola sobrou para Valter fazer a igualdade. No prolongamento, os leirienses continuaram “adormecidos” e foi assim que viram Matão correr quase desde o meio-campo para fazer o segundo dos madeirenses, aos 103 minutos, num lance individual culminado com sucesso.
O Vitória de Setúbal também sofreu em Barcelos, face ao Gil Vicente, da Liga de Honra, salvando-se na “lotaria” das grandes penalidade (4-2, após 1-1 nos 120 minutos), graças ao guarda-redes brasileiro Diego.
Na quarta ronda está também o Rio Ave, que recebeu e bateu o Estrela de Vendas Novas, da III divisão, por 4-1, com tentos de Bruno Gama, Braga, Sidnei e Yazalde, o primeiro e o terceiro de grande penalidade.
O Marítimo eliminou a Naval naquele que foi o único encontro entre equipas da Liga, enquanto Beira-Mar, Olhanense e Académica precisaram de tempo extra para garantirem o estatuto de favoritos. Kléber, aos 44 minutos, e Tchô, aos 79 minutos, colocaram a equipa da Madeira na quarta ronda.
Quando falta apenas disputar o encontro entre Varzim (Honra) e Gondomar (II), a Liga está representada por 14 equipas, a Liga de Honra por escassas três e a II Divisão com 11, enquanto Bombarralense, Santa Maria e Mondinense são os resistentes da III Divisão.
A Académica sofreu perante o Cesarense, da II Divisão, mas acabou por vencer por 2-1, com um golo de livre directo de Amaury Bischoff, já no último minuto do prolongamento.
Já o Beira-Mar, com nove elementos durante o prolongamento, jogou em Mirandela (III Divisão) e sentiu grandes dificuldades para seguir em frente, valendo-lhe Oblak no desempate por grandes penalidades (4-2).
Na Sertã, a Olhanense também precisou de grandes penalidades para afastar a equipa da II Divisão, enquanto na Madeira, o Nacional esteve a perder por 1-0 com o Padroense, mas logrou eliminar a formação que também participa no terceiro escalão do futebol português.
Paços de Ferreira, Portimonense e Vitória de Guimarães cumpriram nos embates com São João de Ver (III Divisão, por 3-1), Cinfães (III, 2-0) e Malveira (III, 4-0), respectivamente, com as surpresas a acontecerem entre jogos de equipas de escalões inferiores.
O Juventude de Évora, da II Divisão, eliminou em casa o Santa Clara (Honra) por 1-0 e, em Ribeirão, a formação local (II) afastou o histórico Belenenses, que também participa na Honra, por 2-0. O Carregado, que caiu esta temporada para a II divisão, venceu em casa o CD Fátima (Honra), no desempate por grandes penalidades, e o Leixões (Honra) superou com dificuldade o Mafra (II), em Matosinhos, por 3-2.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.