Mundial2010: Acabou o sonho!

Data:

Desilusão! Portugal caiu nos oitavos-de-final do Mundial de 2010, ao perder por 1-0 com a campeã europeia Espanha, na Cidade do Cabo, na África do Sul.

Um golo de David Villa, aos 63 minutos, selou o desaire da formação das “quinas”, que fez melhor do que em 1986 e 2002 (eliminações na primeira fase), mas ficou longe das meias finais, atingidas em 1966 (terceiro lugar) e 2006 (quarto).

O guarda-redes Eduardo acabou por ser o melhor elemento da formação portuguesa, que não tinha sofrido qualquer golo na primeira fase (0-0 com África do Sul e o Brasil e, pelo meio, uma goleada por 7-0 à Coreia do Norte).

Por seu lado, David Villa apontou o seu quarto tento na competição, igualando na liderança dos marcadores o argentino Gonzalo Higuain e o eslovaco Robert Vittek, no dia em que a Espanha comemorou o segundo aniversário do título europeu.

Nos quartos-de-final, a Espanha defronta o Paraguai, Sábado, a partir das 20:30 locais (19:30 em Lisboa), no Estádio Ellis Park, em Joanesburgo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.