10 de Junho: Cavaco Silva pede “contrato de coesão nacional”

Data:

O Presidente da República reconheceu hoje que Portugal chegou a “uma situação insustentável, defendendo o estabelecimento de um “contrato de coesão nacional”, no qual cabe aos agentes políticos uma “especial responsabilidade”.

“Como avisei na altura devida, chegámos a uma situação insustentável. Pela frente, temos grandes trabalhos, enormes tarefas, inevitáveis sacrifícios”, afirmou o chefe de Estado, Aníbal Cavaco Silva, na sessão solene das comemorações do 10 de Junho, que decorreram em Faro.

Porém, notou, “não foi com o desalento que se construiu Portugal”, e por isso este é o tempo de “fazer um esforço suplementar para concertar posições e gerar consensos”.

“No contrato de coesão nacional que temos de estabelecer, transversal à sociedade portuguesa, cabe especial responsabilidade aos agentes políticos, aos governantes, aos deputados, aos autarcas de todo o País”, defendeu.

“As horas de infortúnio são momentos de responsabilidade. Este não é o tempo para querelas partidárias ou quezílias ideológicas que nos possam distrair do essencial”, acrescentou, reafirmando que “o essencial são os problemas concretos dos Portugueses”.

Num discurso dominado pela actual situação de crise, o chefe de Estado voltou, contudo, a repetir um apelo que têm vindo a fazer ao longo dos últimos meses para a união dos portugueses.

“Temos de encontrar em nós próprios a força para vencer. Não baixemos os braços”, pediu, já depois de recordar que “a coesão nacional constitui um dos nossos bens mais preciosos”.

“É necessário deixar para trás divisões estéreis e sem sentido para nos concentrarmos no essencial, para podermos olhar mais longe para o que é verdadeiramente importante, num espírito de unidade e de harmonia cívica”, pois, disse mais à frente “se o horizonte que avistamos é de dificuldades e de incerteza, mais razões temos para nos unirmos”.

“Estou certo de que juntos conseguiremos”, assegurou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.