Venezuela: Ex-sequestrado apela a portugueses para apostarem e investirem no país

Data:

O empresário português José Pinho, que em Maio último foi libertado depois de permanecer 50 dias sequestrado, apelou, hoje, aos portugueses radicados na Venezuela para que vejam o futuro com optimismo, continuem a apostar e a investir no país.
No seu entender a Venezuela "não tem capacidade para produzir o que consome" e carece de mais confiança do sector empresarial, visando estimular a produção nacional, porque continua a ser "uma terra de oportunidades".
José Pinho é um dos sócios da Castelo Branco, uma empresa especializada na produção de embutidos, fiambres de porco e frango, chouriços e derivados de carne que celebrou, a 29 de Novembro o 35º aniversário e cujo nome homenageia uma localidade portuguesa "onde sempre houve bons enchidos e presuntos".
"Este país é o máximo, é o melhor. Nasci em Santa Maria da Feira e todas as vezes que posso visito Portugal, mas quero muito a esta pátria, que me deu tudo e quero desfrutar a minha vida aqui", disse à Agência Lusa.
A 1 de Maio último José Pinho foi libertado pelos sequestradores, depois de permanecer 50 dias em cativeiro.
Na sua opinião, o principal problema da Venezuela é a insegurança e por isso é importante fortalecer os mecanismos para a combater.
Ainda assim, insiste, "tem sido demasiado feliz neste país" e por isso aposta em que os seus dois filhos assumam as rédeas do negócio.
Sobre eventuais "marcas" do sequestro, disse que foi uma situação "muito difícil para a família, da qual pensa estar recuperado, mas eles (familiares) ainda não".
"Vou continuar na Venezuela, a minha mulher nasceu aqui, os meus filhos também e acreditem que espero que nasça também algum neto aqui", enfatizou.
No entanto admitiu, "continuarei a ser português até à morte e quero, um dia, morrer na minha terra".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.