Madeira: Recorde de passageiros em Agosto na ligação marítima Madeira-Porto Santo

Data:

O “Lobo Marinho”, o navio que assegura ligações marítimas entre as ilhas da Madeira e de Porto Santo, bateu em Agosto o recorde de passageiros transportados, atingindo as 70.980 pessoas, segundo dados da empresa Porto Santo Line.Este número evidencia a preferência dos madeirenses e até visitantes pela denominada Ilha Dourada para passar um período de férias.
O navio transportou uma média de 2.300 pessoas por dia e de 825 por viagem, efectuando 86 ligações, as mesmas que realizou em igual mês do ano passado.
No último mês, a Porto Santo Line, a empresa proprietária da embarcação que explora esta linha, emitiu cerca de 35.500 bilhetes, tendo disponibilizado 98.986 lugares, pelo que 71 por cento da oferta foi comprada.
Em termos de receitas, a PSL terá arrecadado mais de dois milhões de euros em Agosto.
De Janeiro a Agosto, o Lobo Marinho transportou um total de 246.252 pessoas, mais 14.953 que em igual período de 2006, o que representa já um aumento de 6,5 por cento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.