Venezuela: crianças raptadas foram encontradas depois de serem abandonadas na margem de um rio

Data:

A polícia venezuelana resgatou hoje "com vida e em aparente bom estado de saúde" três dos quatro portugueses sequestrados desde 12 de Agosto no Estado de Táchira, a oeste de Caracas. O empresário David Barreto Alcedo, de 37 anos, continua desaparecido. Segundo a polícia venezuelana, os três menores foram encontrados "molhados" na margem de um rio. O comissário Marcos Chávez, director do Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalísticas (Cicpc), antiga Polícia Técnica Judiciária, explicou que os portugueses foram localizados no sector La Esperanza, da localidade de La Victória, Estado de Apure.
"Os três menores de idade (crianças) foram libertados graças às pressões do Cicpc, da Polícia Regional de Táchira (Politáchira) e do Ministério Público", disse à Lusa aquele responsável. Por outro lado, Marcos Chávez precisou que a polícia vai prosseguir as operações naquela zona da Venezuela, porque "falta resgatar o pai de uma das crianças libertadas", havendo "pelo menos quatro detidos".
Sem precisar a hora exacta a que os três menores foram detectados, o que aconteceu às primeiras horas da manhã de hoje, o general de Brigada da Guarda Nacional (polícia militar), Jaime Escalante Hernández, explicou que "as crianças foram abandonadas à beira de um rio, molhadas".
Pelas 12:10 horas locais (17:10 horas em Lisboa) "estavam prestes a ser transportados, por via aérea, desde El Bomgo para a Base Aérea de Buena Ventura, em San Cristóbal (Táchira), num helicóptero das Forças Armadas Venezuelanas".
Frisou ainda que as crianças "já entraram em contacto com os familiares" e que uma vez chegadas ao Estado de Táchira "vão ser submetidos a diversos exames médicos para determinar o estado de saúde, antes de serem entregues aos familiares".
Pouco depois das 16:00 horas locais de domingo (21:00 horas de Lisboa) desconhecidos raptaram o comerciante português David Barreto Alcedo, 37 anos, o filho, David Mariano Barreto Vales, 11, e os sobrinhos Alberto Luís Parra Barreto, 13, e José David Parra Barreto, 10 anos, no estado venezuelano de Táchira (a sudoeste de Caracas).
O sequestro ocorreu quando o grupo regressava de um passeio, durante o fim-de-semana, à barragem de Uribante-Caparo. O veículo em que seguiam os quatro portugueses foi localizado pela polícia na estrada de "Los Llanos", que liga San Cristóbal, capital do Estado de Táchira, à fronteira com a Colômbia.
Além do Estado de Táchira, a polícia venezuelana estendeu as buscas, na última terça-feira, a zonas montanhosas dos Estados de Apure (a Sul de Táchira), Barinas (leste) e Portuguesa (a nordesde da zona onde foram sequestrados).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.