Harry Potter vendeu milhares em hora e meia em Portugal

Data:

O derradeiro «Harry Potter», lançado sexta-feira em livrarias portuguesas, foi «uma festa» que vendeu em apenas hora e meia cerca de três mil exemplares nas lojas FNAC, disse à Lusa um responsável da empresa.

Várias livrarias portuguesas permaneceram abertas após as 00:00 de hoje para assinalar o lançamento da versão inglesa do derradeiro livro da saga do jovem feiticeiro «Harry Potter», um fenómeno literário que fascina milhares de crianças e adultos em todo o mundo.

O livro, intitulado «Harry Potter and the Deathly Hollows», surge dez anos depois da autora britânica Joanne K. Rowling ter criado a história do pequeno feiticeiro, em Junho de 1997, e tal como em outros países, gerou uma enorme afluência de crianças, jovens e adultos às livrarias portuguesas.

«Foi um dia de festa à volta de um livro fantástico que atraiu cerca três mil pessoas, muitas delas trajadas a rigor, e que se prolongou aproximadamente até à 01:30 da madrugada de sábado», disse hoje à agência Lusa o director da loja da FNAC do Centro Comercial Colombo, em Lisboa, Nuno Pardalejo.

Acrescentou que a afluência para comprar a versão inglesa «foi igual às registadas nos lançamentos das anteriores versões em português».

«Mesmo em inglês, o facto de ser o último livro da saga torna-o imperdível», afirmou Nuno Pardalejo, adiantando que, em Portugal, as lojas da FNAC encomendaram um total de «vinte mil exemplares» e que «em hora e meia se conseguiu vender 12 a 15 por cento do stock existente».

«O livro só começou a ser vendido à meia-noite. Mesmo assim houve pessoas que chegaram logo de manha e que esperavam ansiosas para poder arrecadar o primeiro exemplar deste livro», acrescentou o responsável.

Segundo Nuno Pardalejo, a afluência de inúmeras famílias com crianças, mas também de jovens e adultos demonstra que o livro «não é apenas para os pequenos» e que se trata de um fenómeno que «abrange várias gerações».

«Vim de propósito para comprar o último livro porque se trata de uma história fascinante, muito bem escrita e que se lê bastante bem», disse à Lusa Hugo Costa de 29 anos, acrescentado que prefere «comprar a versão inglesa porque além de sair mais cedo, é mais fiel ao que foi escrito».

«É uma história diferente, escrita para todas as idades e totalmente fora da realidade porque nos remete para um mundo fascinante», afirmou, por sua vez, Rita Henriques, 26 anos.

Sobre o preço do livro (22,95 euros), a maioria das pessoas questionadas pela Lusa na loja da FNAC afirmaram não ser muito barato, mas não exageradamente caro.

Outra livraria que só fechou as suas portas de madrugada para vender as versões infantil e adulta do livro foi a Livraria Barata, na Avenida de Roma, Lisboa.

«Ontem [sexta-feira] estivemos abertos até à meia-noite e meia para vender o fenómeno do Harry Potter», disse à Lusa a gerente da Livraria, Elsa Barata, acrescentando que a versão inglesa do livro «superou as expectativas e vendeu-se muito bem».

«As nossas expectativas foram superadas. A versão inglesa vendeu-se tanto como as versões em português costumam vender», afirmou a responsável, explicando que de um total de 70 exemplares encomendados, «já só restam dez, pelo que vai ser necessário reforçar o stock para a próxima semana».

Questionada pela Lusa sobre o perfil das pessoas que compraram o livro, a responsável disse que, por se tratar de um livro em inglês, foram «sobretudo famílias com crianças acima dos 13 anos, mas também adultos».

Os seis anteriores volumes da saga venderam mais de 300 milhões de exemplares em todo o mundo, foram traduzidos em mais de 60 línguas e estiveram na base de cinco adaptações para o cinema.

Em Portugal, os seis livros venderam 1,3 milhões de cópias, segundo dados da Editorial Presença, que ainda não decidiu qual será o título português deste último volume da saga, cuja versão está prevista para Outubro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Popular

Nóticias Relacionads
RELACIONADAS

Compal lança nova gama Vital Bom Dia!

Disponível em três sabores: Frutos Vermelhos Aveia e Canela, Frutos Tropicais Chia e Alfarroba e Frutos Amarelos Chia e Curcuma estão disponíveis nos formatos Tetra Pak 1L, Tetra Pak 0,33L e ainda no formato garrafa de vidro 0,20L.

Super Bock lança edição limitada que celebra as relações de amizade mais autênticas

São dez rótulos numa edição limitada da Super Bock no âmbito da campanha “Para amigos amigos, uma cerveja cerveja”

Exportações de vinhos para Angola crescem 20% desde o início do ano

As exportações de vinho para Angola cresceram 20% entre janeiro e abril deste ano, revelou o presidente da ViniPortugal, mostrando-se otimista quanto à recuperação neste mercado, face à melhoria da economia.

Área de arroz recua 5% e produção de batata, cereais, cereja e pêssego cai 10% a 15%

A área de arroz deverá diminuir 5% este ano face ao anterior, enquanto a área de batata e a produtividade dos cereais de outono-inverno, da cereja e do pêssego deverão recuar 10% a 15%, informou o INE.